DORIA FARÁ SORTEIO DE R$ 1 MILHÃO PARA QUEM PEDIR NOTA FISCAL

Foto: Edilson Dantas/Agência O Globo

O prefeito de São Paulo João Doria (PSDB) vai promover mudanças no Nota Fiscal Paulistana, programa de incentivo para que as pessoas peçam o documento fiscal quando utilizam serviços na capital paulista.

As restituições periódicas as quais os contribuintes tinham direito como uma fração das notas fiscais de estabelecimentos nos quais consumiam, mediante inscrição de CPF, darão lugar a sorteios mensais de R$ 1 milhão promovidos pela prefeitura e pela Caixa Econômica Federal. Aqueles que pedirem nota fiscal terão direito a participar. As informações são do jornal “O Estado de S. Paulo”.

Doria, que tem um cuidado especial com o marketing de sua gestão, também rebatizou o programa, que passará a se chamar Nota do Milhão. Ele também quer que os sorteios sejam transmitidos nas redes sociais.

O prefeito explicou ao “Estado” que o prêmio alto servirá como um incentivo para que as pessoas exijam a nota fiscal paulistana.

— O pouco não motiva. O muito sim. Um milhão de reais é muito dinheiro para todo mundo, muda a vida da pessoa —argumentou.

O incentivo foi criado na gestão de José Serra (PSDB) e devolve parte do ISS (Imposto Sobre Serviço) retido. A nota é emitida por prestadores de serviços, como estacionamentos, academias, cabeleireiros e gera créditos que podem ser utilizados para transferência para conta-corrente, poupança ou abatimento no valor do IPTU.

Já a Nota Fiscal Paulista, do governo do estado, é emitida pelos estabelecimentos comerciais, em operações em que incide o ICMS (imposto sobre circulação de mercadorias e serviços), como restaurantes, supermercados e postos de gasolina.

A administração municipal anunciará as mudanças formalmente na quinta-feira. O primeiro sorteio será em 5 de abril.

No Jornal Extra/Do O Globo

Deixar uma Resposta

Publicidade