‘ARMADA’ ANUNCIADA POR TRUMP NÃO SEGUIA PARA A COREIA DO NORTE

Há pouco mais de uma semana, em meio às crescentes ameaças entre Estados Unidos e Coreia do Norte, o governo americano anunciou que o porta-aviões USS Carl Vinson e seu grupo de ataque estavam a caminho da Península Coreana.

A manobra militar foi confirmada por Donald Trump, que afirmou: “Estamos enviando uma armada muito poderosa”.

O porta-aviões americano, no entanto, estava bem longe da Coreia do Norte, navegando na direção oposta.

O anúncio era uma demonstração de força com o objetivo de dissuadir o ditador norte-coreano Kim Jong-un de lançar um possível ataque, mas o blefe foi descoberto depois da marinha americana divulgar, no último sábado, fotos doCarl Vinson em frente à ilha indonésia de Java, próximo à costa da Austrália.

Veja.com

Deixar uma Resposta

Publicidade