BRASÍLIA – GOVERNO MICHEL TEMER IMPLODE COM DELAÇÃO DA CÚPULA DA JBS

Foto: Divulgação

A notícia publicada pelo site do jornal O Globo teve o efeito de uma hecatombe na praça dos Três poderes. No Palácio do Planalto, Michel Temer estava reunido com assessores em seu gabinete no terceiro andar, quando soube, ao ver o plantão do Jornal Nacional, da rede Globo, que a cúpula da JBS havia delatado todas as esferas da República, por meio de uma operação combinada. O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, estava em sua sala, no quarto andar, quando assistiu à mesma cena pela TV. Saiu como foguete, tropeçando em móveis, e foi direto para o gabinete do chefe. No Senado, a notícia se espalhou como pólvora no momento em que foi publicada na internet. Assessores invadiram o Plenário para mostrá-la aos senadores. O senador Romero Jucá imediatamente subiu à tribuna para avisar o presidente da Casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE). O presidente levou algum tempo para assimilar a gravidade dos fatos, e prosseguiu assim mesmo com as votações enquanto o clima era de consternação. Eunício só suspendeu a sessão quando percebeu que a casa se esvaziava. Peemedebistas e aliados do governo correram imediatamente para o Palácio do Planalto, e se encontram até o momento trancados em reunião com Michel Temer. O clima no Planalto é de “o mundo acabou”.

Veja.com

Deixar uma Resposta

Publicidade