GOVERNO ESPERA RECORDE DE PÚBLICO NA ESPLANADA NA POSSE DE BOLSONARO

Foto: Sérgio Lima

O Gabinete de Segurança Institucional(GSI)  espera que a Esplanada dos Ministério receba de 250 mil até 500 mil pessoas para a posse do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), em 1º de janeiro de 2019. Será um recorde para o evento se o número for confirmado.

O maior contingente de pessoas durante uma posse presidencial foi em 2003, quando Lula (PT) recebeu a faixa pela primeira vez –150 mil, segundo estimativa da Polícia Militar do DF divulgada à época. Em 2007, após a reeleição do petista, 10.000 estiveram no ato.

O menor número registrado durante uma posse desde a redemocratização foi no 2º governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB). Apenas 1.500 pessoas compareceram. Na 1ª admissão do tucano, cerca de 20.000 estiveram no local para prestigiá-lo.

A petista Dilma Rousseff trilhou caminho inverso. Teve maior público na 2ª posse. Foram cerca de 30.000 pessoas em 2011 e 40.000 em 2015. Durante o 1º evento, houve forte chuva em Brasília. Na transição para o 2º mandato, a capital teve dia de sol.

Não há estimativas de quantas pessoas tenham participado da posse de Fernando Collor de Mello (PTC). Michel Temer (PMDB) e Itamar Franco (PMDB) não foram considerados para o levantamento porque assumiram o cargo após o impeachment dos titulares.

Posse de Bolsonaro impulsiona setor hoteleiro

A cerimônia de posse do presidente eleito também aumentou a movimentação no setor hoteleiro do Distrito Federal. Diversos eleitores de Bolsonaro estão organizando caravanas para participar da cerimônia.

O Distrito Federal tem 145 hotéis, com 18.000 quartos e 26.000 leitos. Segundo a Abih-DF(Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Distrito Federal), a ocupação está em torno de 70%, podendo subir para 90% até a data.

Normalmente, a média de ocupação dos hotéis em Brasília no final do ano varia de 17% a 20%.

Como será a cerimônia de posse de Bolsonaro

A posse de Bolsonaro como presidente da República está marcada para 1º de janeiro de 2019. A previsão é de saída da Granja do Torto às 15h em direção ao Palácio do Planalto. Haverá 2 paradas: na Catedral e Congresso, onde será recebido pelos presidentes das duas Casas.

Às 20h ele participará de 1 baile de gala no Palácio do Itamaraty.

Por Douglas Rodrigues / Do Poder 360

Deixar uma Resposta

Publicidade