DEFESA PEDE ANULAÇÃO DE TODOS OS PROCESSOS DA LAVA JATO CONTRA LULA NO PR

Foto: Marlene Bergamo/Folhapress/26/04/2019

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva apresentou ao Supremo Tribunal Federal (STF) hoje um pedido de habeas corpus liminar para que todos os processos contra ele no Paraná sejam suspensos e que ele seja solto liminarmente por suspeição (suposta parcialidade) dos procuradores da Operação Lava Jato que atuaram no processo do tríplex do Guarujá, do qual resultou a sua prisão.

No pedido, a defesa explica que “os fatos que motivaram a arguição da suspeição dos procuradores da República da Força Tarefa “Lava Jato” foram devidamente expostos e comprovados na primeira manifestação apresentada pela Defesa em favor do Paciente”.

O documento ainda cita que “fatos supervenientes aqui descritos reforçaram essa suspeição e, consequentemente, a nulidade de todo o processo, tais como as mensagens divulgadas pelo portal The Intercept em parceria com a Folha de S. Paulo, Veja, o jornalista Reinaldo Azevedo, El País e o portal UOL. Essa troca de mensagens foi realizada em aparelhos funcionais e dizem respeito também aos processos em referência”.

Como adiantado pelo Blog do Tales Faria, a defesa também pede ao STF o compartilhamento dos dados das conversas da força-tarefa da Lava Jato que foram vazadas e estão sendo reproduzidas pelo site The Intercept e outros veículos, incluindo o UOL.

Nelas, o ministro da Justiça e ex-juiz, Sérgio Moro, o coordenador da força-tarefa, Deltan Dallagnol, e os procuradores trocam instruções, impressões e suspeitas relativas aos processos que resultaram na prisão de Lula e de outros acusados.

No pedido apresentado, a defesa de Lula solicita a “concessão de medida liminar para o fim de determinar o imediato restabelecimento da liberdade plena até o julgamento de mérito da ação”. Fora isso, pede a suspensão dos processos em curso contra o presidente no âmbito da Lava-Jato.

Do Uol/São Paulo

Deixar uma Resposta

Publicidade