SENADORES FERRENHOS ADVERSÁRIOS DE LULA FORAM DERROTADOS NAS URNAS.

Senador Artur Virgílio.

O coordenador de campanha de Dilma (PT), José Eduardo Cardoso, minimizou há pouco em Brasília o fato de a candidata não ter vencido no 1º turno a disputa pela sucessão de Lula.

Senador Heráclito Fortes.

“Ganhamos no 1º turno em condições melhores do que das últimas eleições. Nossos adversários saíram derrotados em comparação com as eleições anteriores.Seguramente tivemos mais acertos do que erros”, disse Cardoso de passagem pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) onde foi se informar sobre o calendário eleitoral dos próximos dias.

Senador Mão Santa

Quanto à uma possível aliança com a candidata Marina (PV), terceira colocada no pleito, com expressiva votação, Cardoso se limitou a dizer que “todo mundo vai conversar com todo mundo”.

Cardoso também comentou sobre as derrotas nas urnas de “estrelas” da oposição no Congresso.

Senador Tasso Jereissatti

“A derrota deveu-se ao sucesso do presidente Lula. A oposição nem sempre foi respeitosa e a população reconheceu isso. Infelizmente para eles e felizmente para nós. A oposição há muito tempo perdeu o seu discurso”.

Entre os integrantes da oposição que foram derrotados estão o líder do PSDB no Senado, Artur Virgílio (AM), e os senadores Tasso Jereissatti (PSDB-CE), Heráclito Fortes (DEM-PI) e Mão Santa (PSC-PI).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo