Extremoz esbanja cultura na festa dos 50 anos de emancipação política

ext

Foto: Daniel Pinheiro – 1963-1968 – Prefeito da Emancipação;

A festa dos 50 anos de emancipação política de Extremoz foi realizada na noite desta quinta-feira, 04, na bela praça construída no Largo da Igreja Matriz de São Miguel Arcanjo, com grande público, e esbanjou cultura com várias atrações e a presença do prefeito Klauss Rêgo, vice-prefeito, Padre Edilson, secretários municipais e vereadores da cidade.

ext Grupo de Maculêlê da Fundação Aldeia do Guajirú

Por meio da Fundação de Cultura Aldeia de Guajirú houve apresentação de várias atrações que resgatam a cultura extremozense, como Boi de Reis, Grupo de Capoeira Afoxé, danças, além da apresentação de bandas de música de Extremoz, Felipe Camarão, Parnamirim e Polícia Militar.

A Banda Municipal de Extremoz iniciou a programação tocando o Hino Nacional, seguido do Hino da Cidade, sob a regência do maestro Tony Wesley.

ext Grupod e Capoeira da Aldeia Guajirú

Depois da apresentação das bandas, foi a vez do Boi de Reis Guajirú, sob o comando do diretor de arte Gláucio Câmara, que realizou uma bela e tradicional apresentação na praça, defronte ao palco. 

Abertura

ext Prefeito Klauss e Sua esposa Drª Renata

Foto: Prefeito Klauss e Sua esposa Drª Renata

O prefeito Klauss Rêgo fez a abertura oficial da festa. “Agradeço a presença de todos. Sou o 12º prefeito de Extremoz desde sua emancipação e fico feliz por essa coincidência, num momento em que o município passa por um período de grande desenvolvimento econômico, social e, também, cultural”, iniciou o chefe do poder executivo.

ext Público estimado de 1.000 pessoas

Foto: Público estimado de 1.000 pessoas

No ano de 1607, uma parte de terra foi concedida a jesuítas pelo capitão-mor do Rio Grande do Norte, Jerônimo de Albuquerque, tendo como principal objetivo catequizar os indígenas. Em 1757, durante as invasões holandesas no Brasil, os jesuítas foram expulsos e a povoação tornou-se a primeira da Capitania do Rio Grande do Norte com a categoria de vila, de acordo com o historiador Luís da Câmara Cascudo”, continuou o prefeito.

ext Prefeito Klauss Rêgo , Vice Prefeito Edilson Lima, Vereadora Leila Cristina, Vereador Joaz oliveira, vereador Évio de Faaria, Vereador Josias de Faria e Vereador Fábio Vicente

“Em 1885 Extremoz virou um distrito de Ceará – Mirim, até 04 de abril de 1963, quando conseguiu ser politicamente emancipada daquele município. Nossa Extremoz não vive somente de suas belezas naturais, que incentiva o turismo, e hoje temos desenvolvimento e cultura”, disse o prefeito, lembrando o Auto de São Miguel Arcanjo, considerado o segundo melhor evento desse tipo no Rio Grande do Norte. Estamos trabalhando para que, cada vez mais, o nosso município se desenvolva mais ainda”, concluiu o prefeito.

Foto: Prefeito Klauss Rêgo , Vice Prefeito Edilson Lima, Vereadora Leila Cristina, Vereador Joaz oliveira, vereador Évio de Faria e Vereador Josias de Faria

Entre em contato!
[email protected]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo