BETO ROSADO ADOTA “LEI DO SILÊNCIO” SOBRE POSSIBILIDADE DE PERDER O MANDATO

O deputado federal Beto Rosado (Progressistas) ainda não se pronunciou sobre a possibilidade de perder o mandato após virem à tona novas denúncias de que Kericlis Alves Ribeiro (PDT), candidato a deputado federal nas eleições de 2018, registrou a candidatura na época de forma ilegal.

Os 8.890 votos de “Kerinho” foram fundamentais para eleger Beto Rosado em razão do coeficiente eleitoral da coligação da qual fazia parte. Sem os votos de “Kerinho”, quem assume a vaga é Fernando Mineiro (PT), terceiro colocado na disputa.

A novidade do caso, apontada pela assessoria jurídica de Mineiro e protocolada no Tribunal Regional Eleitoral por um coletivo de 51 advogados, é motivada pelo fato de “” não ter se desimcompatibilizado do cargo em comissão que ocupava na prefeitura de Monte Alegre, no prazo previsto pela legislação eleitoral.

De acordo com o portal da Transparência do município, Kerinho recebeu salário da prefeitura até dezembro de 2018 e não há registro no Diário Oficial de Monte Alegre da exoneração dele até junho daquele ano, como determina a lei para que um servidor possa registrar candidatura.

A agência Saiba Mais procurou Beto Rosado nesta terça-feira (15) para comentar a possibilidade de deixar a Câmara Federal. Um dos telefones do parlamentar estava desligado e o outro só chamou até cair a ligação. Contatada em seguida, uma das assessoras do deputado, Joyce Moura, pediu que a reportagem procurasse um assessor de nome Sérgio. Várias mensagens foram enviadas, mas também não houve resposta.

Nas redes sociais de Beto Rosado não há menção sobre o caso. Tanto na conta do Instagram como no twitter do parlamentar as últimas notícias dão conta da participação de Rosado em convenções políticas no interior do Estado.

INTIMAÇÃO

Na segunda-feira (14), o Ministério Público Eleitoral determinou que Kericlis Alves Ribeiro seja intimado a se manifestar sobre as novas denúncias relacionadas à suposta ilegalidade na candidatura.

Fonte: Saiba Mais Agência

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo