MEU FILHINHO DEVE TER SOFRIDO MUITO’, DIZ PAI DO MENINO HENRY

Foto: Reprodução

O engenheiro Leniel Borel de Almeida, pai de Henry Borel, comentou sobre a prisão da ex-mulher, Monique Medeiros, e do namorado dela, o vereador Dr. Jairinho. Ele chegou a dizer que estava passando mal após saber da notícia. As informações são do G1.

“Esta infeliz matou meu filho. Meu filhinho deve ter sofrido muito”, disse Leniel para o repórter Carlos De Lannoy, da TV Globo. Antes da prisão do casal, Leniel postou uma homenagem ao filho, que morreu no último dia 8 de março.

“Henry, 30 dias desde que te dei o último abraço. Nunca vou esquecer de cada minuto do nosso último final de semana juntos. Deixar você bem, cheio de vida, com todos os sonhos e vontades de uma criança inocente. Desculpe o papai por não ter feito mais, lutado mais e protegido você muito mais”, diz trecho da postagem.

Monique e o namorado, o vereador Dr. Jairinho, foram presos nesta quinta-feira (8) após terem a prisão temporária de 30 dias decretada. De acordo com a polícia, os dois teria tentado atrapalhar as investigações da morte da criança. Os investigadores da 16ª DP (Barra da Tijuca) afirmam ainda que o garoto foi assassinado.

Conforme as investigações, o vereador teria praticado pelo menos uma sessão de tortura contra Henry semanas antes da morte da criança. Ainda conforme os investigadores, a mãe de Henry sabia das agressões. Jairinho teria se trancado no quarto para bater no menino no último dia 12 de fevereiro.

Por: IstoÉ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo