FESTAS DE CASAMENTO COM AGLOMERAÇÃO É ENCERRADA NO INTERIOR DO CEARÁ

Foto: Reprodução

Uma festa de casamento foi encerrada pela Polícia Militar e Vigilância Sanitária, na noite da terça-feira (25), na zona rural de Barbalha, na Região do Cariri do Ceará por ter uma aglomeração e contrariar as medidas sanitárias que proíbem eventos e multidões em todo o estado.

Segundo a polícia, a festa de casamento iria ocorrer em uma chácara e reuniria cerca de 50 pessoas. Quando os policiais militares e os agentes da Vigilância Sanitária chegaram ao local, havia 15 pessoas. Alguns convidados tentaram se esconder e fugir, mas foram contidos.

Os participantes da festa e o proprietário da chácara foram levados à Delegacia Municipal de Barbalha, onde foram registrados termos circunstanciados de ocorrência (TCO) por descumprimento às medidas sanitárias para conter a propagação da Covid-19. O dono da chácara foi multado.

Barbalha fica na região onde os índices da pandemia são preocupantes no Ceará. Na mais recente flexibilização das medidas restritivas, o Cariri foi a única região do estado onde foram recomendadas ações mais rígidas para conter o avanço do vírus.

Também na terça-feira, na mesma cidade, uma festa de aniversário que reunia 20 pessoas foi encerrada. As pessoas estavam sem máscara e consumiam bebidas alcoólicas e estavam aglomeradas. Os participantes também foram encaminhados para a delegacia, onde foram registrados termos circunstanciados de ocorrência por desrespeito ao decreto estadual.

Isolamento social rígido

Barbalha está em lockdown até domingo (30). A decisão foi tomada devido ao aumento na média móvel de casos, de acordo com a prefeitura. A capacidade de leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) nas unidades hospitalares do município está em 100%.

Ainda de acordo com a prefeitura, a cidade já registrou, até o dia 20 de maio deste ano, 41 mortes por conta da doença.

As principais alterações estão relacionadas ao horário de funcionamento de estabelecimentos, modalidade de atendimento por delivery e restrições no transporte público e intermunicipal. Com informações do G1/Ceará.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo