FIOCRUZ RECEBE NOVO LOTE DE IFA PARA PRODUZIR 6 MILHÕES DE DOSES

Foto: Reprodução

Um novo lote do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) chegou no Brasil na noite deste sábado (12/06), no aeroporto do Galeão, Rio de Janeiro. O insumo será utilizado para a fabricação de vacinas Covid-19 pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Com a remessa da matéria-prima, importada da China, será possível produzir mais de 6 milhões de doses da vacina AstraZeneca/Fiocruz e cumprir um cronograma de entregas ao Ministério da Saúde até 10 de julho.

O insumo vai permitir a continuidade da produção da vacina e a entrega dos imunizantes da AstraZeneca previstos no Plano Nacional de Imunizações (PNI), do Ministério da Saúde. A Fiocruz informou que “aguarda a confirmação da possibilidade de acelerar as próximas remessas de IFA, uma vez que a instituição permanece com capacidade de produção superior à disponibilização do insumo”.

Ainda no início do mês de junho, Fiocruz e AstraZeneca assinaram o acordo de transferência de tecnologia. Com isso, o Brasil poderá fabricar IFA para produção da vacina 100% nacional, reduzindo a dependência da importação do ingrediente do exterior. O acordo faz parte da MP que destinou crédito extraordinário de R$ 1,9 bilhão para a encomenda de transferência de tecnologia da vacina.

A expectativa é que as primeiras doses 100% nacionais sejam entregues em outubro. As instalações têm a capacidade inicial de produção de IFA para cerca de 15 milhões de doses de vacinas por mês. Na mesma ocasião, a Fiocruz assinou também com a AstraZeneca um contrato para a importação de IFA suficiente para produzir cerca de 50 milhões de doses de vacina Covid-19.

Assim que as vacinas são disponibilizadas pelo laboratório, o Ministério da Saúde coordena a distribuição para todos os estados e o Distrito Federal, ampliando cada vez mais a campanha nacional de vacinação. Até o momento, o Governo Federal já distribuiu mais de 56,1 milhões de doses da AstraZeneca/Fiocruz.

No total, já foram mais de 109,4 milhões de vacinas distribuídas no País e 76,7 de doses aplicadas na população.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo