MORAES AUTORIZA JEFFERSON A DEIXAR PRISÃO PARA FAZER EXAMES

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O ministro Alexandre de Moraes, do STF, autorizou nesta 3ª feira (18.jan.2022) que o ex-deputado Roberto Jefferson (PTB) deixe o presídio de Bangu 8 para fazer exames médicos.

De acordo com a defesa do político, Jefferson está com sintomas compatíveis com a covid-19. Também apresenta inchaços nas pernas, o que poderia ter relação com uma cirurgia anterior.

Moraes havia mandado o presídio informar se tem condições de tratar o político. A resposta foi negativa. Por causa disso, o magistrado autorizou a ida de Jefferson ao hospital.

“Considerando as novas alegações da defesa em relação ao quadro de saúde do preso e a necessidade de exames específicos de saúde em unidades hospitalar adequada […], é possível a autorização para a saída do custodiado”, disse o ministro.

Eis a íntegra da decisão (133 KB).

Jefersson terá que voltar ao presídio depois de realizar os exames. Deverá ser escoltado até o Hospital Samaritano de Botafogo, no Rio de Janeiro, e só poderá ter contato com a equipe médica e de enfermagem.

É a 2ª vez que o político deixa o presídio para ir ao hospital. Em setembro de 2021, Moraes autorizou a transferência de Jefferson para tratar um quadro de infecção urinária e dores lombares.

Poder360

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo