VACA DÁ À LUZ BEZERROS GÊMEOS DE SEXOS DIFERENTES NO INTERIOR DE RN; BONO E DORA NASCERAM NO DIA 3 DE JUNHO

Vaca Colorau e seus dois bezerros — Foto: Reprodução/Inter TV Costa Branca

Uma vaca deu à luz bezerros gêmeos de sexos diferentes em uma fazenda na comunidade do Espinho, na zona rural do município de Serrinha no interior do Rio Grande do Norte. De acordo com o criador, Renato Barbalho, essa foi a segunda vez que a vaca pariu mais de um bezerro na mesma gestação.

Os bezerros gêmeos que nasceram no dia 3 de junho, foram batizados como Bono e Dora. A mamãe, Colorau, é uma vaca da raça Jessy Holanda. De acordo com o proprietário, o animal foi adquirido em 2018 para a produção leiteira.

“Em 2021 ela pariu duas bezerras. Dessa vez, foi um bezerro e uma bezerra. Ou seja, duas vezes gêmeos”, conta o criador.

Segundo o criador, o parto foi difícil, mas a mamãe e as crias estão saudáveis. Apesar de já ter acontecido outra vez, Cleverson Melo, veterinário que cuida do rebanho, afirma que o episódio é incomum.

“Essa vaca já vem na sua segunda gestação gemelar. Não é muito comum ocorrer isso. Uma média de 1 a cada 300 partos. E tem um fato interessante, é que nessa segunda cria foi um macho e uma fêmea, então ocorre um fenômeno científico chamado de ‘freemartin’, aonde a fêmea tem características masculinas e é estéril”, explica

Após o nascimento, os animais passaram a receber cuidados ainda mais especiais. A alimentação da Colorau ganhou um reforço, com soja, torta de algodão, farelo de milho e sal mineral proteinado. Por dia a vaca chegava a produzir até 25 litros de leite. Mas agora, boa parte disso fica para a alimentação das crias. Com informações do g1/RN.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo