TEBET ACUSA PT DE TENTAR DERRUBAR SUA CANDIDATURA NO ‘TAPETÃO’

Foto: Tuca/MDB/Divulgação

Simone Tebet (MDB) acusou o Partido dos Trabalhadores de tentar sabotar sua candidatura ao Palácio do Planalto nestas eleições. A senadora disse que o partido comandado por Lula agiu de maneira antidemocrática para minar os planos do MDB em lançar um candidato próprio a Presidente da República.

“Também de forma antidemocrática quis o Partido dos Trabalhadores puxar o tapete da nossa candidatura. Eu sei, um dia a história saberá. Nós vamos contar essa história”, disse a candidata nesta terça-feira (2). “Democracia se faz no diálogo, no debate ou no enfrentamento de ideias, não querendo ganhar no tapetão ou no primeiro turno.”

A fala ocorreu durante o anúncio de que a também senadora Mara Gabrilli (PSDB) será sua companheira de chapa.

A emedebista disse que a campanha contra sua candidatura não vem de agora:

“Eu sei o que eu tive de enfrentar – esses 90 dias, dia sim outro também, dando dois para frente e tendo de recuar um, onde tudo nos holofotes da imprensa era exposto como se nós fossemos café-com-leite, uma candidatura fraca, que não ia chegar lá e que iria ser derrubada dentro e fora do partido”, ela disse.

O Antagonista

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo