JUSTIÇA DECRETA SIGILO NA INVESTIGAÇÃO SOBRE BOMBA EM BRASÍLIA

George Washington, que confessou ter armado artefato explosivo no DF – Foto: : PCDF

A Justiça do Distrito Federal decretou sigilo sobre as investigações que apuram a tentativa recente de um atentado a bomba contra um caminhão de combustível perto do Aeroporto de Brasília. A informação é do site O Antagonista.

O pedido foi feito pelo delegado do Departamento de Combate à Corrupção e ao Crime Organizado (Decor) da Polícia Civil do DF Jorge Teixeira através do Ministério Público do DF (MPDFT).

“Os fatos são extremamente graves e o sigilo das investigações  pode viabilizar a identificação de outros envolvidos […] O material encontrado com o investigado e a informação de que há outras pessoas envolvidas no plano se configuram como de relevante interesse público“, diz trecho da representação encaminhada pelo MPDFT.

No dia seguinte ao atentado, a PCDF prendeu George Washington de Oliveira Sousa, suspeito de ter colocado a bomba no local no último dia 24.

A polícia busca também por Alan Diego Rodrigues, suspeito de ter participado do planejamento do atentado.

Gazeta Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo