“FREIXO É PHD EM MILÍCIA”, DIZ DEPUTADO EDUARDO BOLSONARO

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Nesta sexta-feira (6), o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) usou suas redes sociais para criticar o novo presidente da Embratur, Marcelo Freixo. Em uma publicação em seu Twitter, Eduardo afirmou que Freixo é “PhD em milícia”.

– Milícia do Dilmo. É CPX pra um lado, milícia para outro, a quadrilha não brinca em serviço. O PhD em milícia, Freixo, que hoje é serviçal da ministra do turismo enrolada, desconversa e diz que não é com ele. Podia ao menos abrir mão de sua escolta ARMADA né, tá tudo em casa mesmo – disparou o deputado.

Após a saga da ministra do Turismo de Lula (PT), Daniela Carneiro, e seus muitos relacionamentos com milicianos, a sociedade cobrou um posicionamento de Freixo, até em razão da Embratur estar atrelada à pasta de Daniela.

Ele se esquivou e disse que cabe à parlamentar comentar sobre o assunto. Também afirmou ter a percepção de que o caso tem mais relação com a prefeitura de Belfort Roxo, marcando posição evasiva e frustrando quem esperava um posicionamento coerente com a enérgica luta de Freixo contra milicianos.

– Eu acho que cabe a ela falar sobre isso. Minha relação com ela é muito recente, mas muito boa e de muito diálogo. Não muda em nada e pelo que eu li da defesa, isso tinha mais a ver com a prefeitura [de Belford Roxo] do que com ela – argumentou, mitigando os efeitos da saia-justa e descartando que essa situação crie qualquer constrangimento no relacionamento com a ministra.

O irmão de Marcelo, Renato Freixo, teria sido assassinado em 2006 por milicianos.

Pleno News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo