PL VÊ INELEGIBILIDADE DE BOLSONARO COMO PRÓXIMO PASSO DE MORAES

Alexandre de Moraes no TSE – Foto: Antonio Augusto/Secom/TSE

Integrantes do PL, partido de Bolsonaro, estão certos de que o próximo passo do presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, será tornar Jair Bolsonaro inelegível. Membros da sigla ainda avaliam que a chance de o ex-presidente ser alvo de prisão é real.

O alerta chegou ao grau máximo quando correligionários da legenda tomaram conhecimento de uma decisão de Moraes que autoriza a quebra de sigilo telefônico de oito bolsonaristas.

Como informou o site “Metrópoles”, a medida tem potencial de atingir o próprio ex-presidente e membros do núcleo duro de seu governo. Dois dias antes de acabar seu mandato, Bolsonaro viajou para os Estados Unidos, sem data para voltar.

Advogados que trabalham para o PL contabilizam que existem mais de 30 ações só no TSE com potencial de tornar Bolsonaro inelegível

Diante disso, o advogado Marcelo Bessa foi escolhido para ser o responsável pelas ações tidas como as mais “perigosas” contra o ex-presidente. Entre elas estão processos criminais, ações relacionadas à conduta de Bolsonaro na pandemia e o pedido de prisão preventiva de Bolsonaro feito pelo PSOL.

A Advocacia-Geral da União representou Bolsonaro em boa parte de ações durante seu mandato, mas, desde a semana passada, representantes do ex-presidente têm pedido ao órgão que desista de atuar em uma série de processos.

O Globo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo