Após 17 anos, CMA CGM encerra maior linha de cabotagem que o RN já teve

Foto: Reprodução/Datamar News

Foi encerrada neste domingo (16) a maior linha de cabotagem que o Rio Grande do Norte já teve. A cabotagem é o transporte marítimo entre portos sem perder a costa de vista.

Após 17 anos, a empresa CMA CGM deixa de operar no Porto de Natal. Reportagem da Tribuna do Norte, publicada em outubro de 2022, apontou que saída do Porto de Natal da rota da CMA CGM ocasionaria uma perda de R$ 5 milhões por ano para Companhia Docas do Rio Grande do Norte (Codern). A CMA CGM era a principal operadora para o escoamento dos produtos potiguares.

Ainda de acordo com a reportagem, a CMA CGM passa a operar apenas com navios acima de 200 metro, o que impossibilita manobras na foz do rio Potengi por falta de sistemas adequados de defensas da Ponte Newton Navarro, além da sua limitação de altura.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo