Cerveja fake: grupo vendia bebida barata com rótulo de marcas líderes

Foto: Reprodução/Polícia Civil

Uma fábrica clandestina que adulterava cervejas de marcas famosas foi encontrada no Jardim Ângela, zona sul de São Paulo, na noite dessa quinta-feira (18/1). A Polícia Civil prendeu 31 suspeitos em flagrante – eles estavam trabalhando no local.

Imagens mostram o interior da fábrica, um galpão enorme com engradados, mesas, garrafas, rótulos e tampas de marcas de cervejas líderes de mercado, como “Original”, “Brahma”, “Skol” e “Antártica”.

Os policiais apreenderam quase 700 engradados de cervejas falsificadas, além de milhares de rótulos e tampas, que eram colocados em garrafas de marcas mais baratas.

Os 31 presos em flagrante foram encaminhados à carceragem do 8º DP (Belenzinho) e devem passar por audiência de custódia nesta sexta-feira (19/1).

Metrópoles

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo