TRE-RN ESTABELECE RETORNO AO TRABALHO REMOTO EM FUNÇÃO DA PANDEMIA

Foto: Divulgação.

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) estabeleceu o retorno parcial dos seus servidores ao trabalho remoto, ficando apenas 30% do contingente em regime presencial, como medida preventiva diante da situação excepcional de agravamento da pandemia. A alteração do regime de trabalho será publicada no DJE desta sexta (26), por meio da Portaria Conjunta Pres/CRE no. 06, assinada pelo presidente do TRE-RN, Desembargador Gilson Barbosa, e pelo Corregedor Geral Eleitoral em substituição, Desembargador Ibanez Monteiro.

A medida leva em consideração os recentes e elevados índices de ocupação dos leitos críticos para Covid-19 nos hospitais públicos e privados da Região Metropolitana de Natal e nos demais municípios do Estado do Rio Grande do Norte; além da necessidade de uma atuação responsável da Justiça Eleitoral e de observância às medidas de prevenção à disseminação do novo coronavírus, de modo a garantir segurança no desenvolvimento das atividades presenciais.

A retomada parcial do trabalho remoto no âmbito da Justiça Eleitoral do Rio Grande do Norte ocorrerá a partir do dia 2 de março de 2021. Será obrigatória a permanência de, no mínimo, um servidor no regime de trabalho presencial, preferencialmente os titulares de cargos em comissão, chefes e respectivos substitutos. Os demais servidores lotados nas unidades administrativas poderão exercer suas atividades em regime de trabalho remoto.

Não serão alcançados pela medida os servidores e colaboradores em atividade nas áreas de segurança, saúde ou em outras atividades consideradas essenciais pela Presidência do Tribunal Regional Eleitoral/RN. A produtividade dos servidores que estiverem em trabalho remoto será acompanhada pelo gestor da unidade de lotação e pelo respectivo superior hierárquico, mediante a utilização de relatório diário de atividades, a ser publicado em pasta virtual própria nas áreas de cada unidade administrativa.

DEFESA DE DANIEL SILVEIRA MUDA VERSÃO SOBRE CELULARES ENCONTRADOS COM ELE NA PF APÓS SUA PRISÃO

Daniel Silveira com seu telefone celular na noite em que foi preso no IML, no Centro do Rio.Foto: TV Globo.

A defesa do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) mudou a versão sobre de quem seriam os celulares encontrados junto com o parlamentar enquanto ele estava preso na sede da superintendência da Polícia Federal, no Centro do Rio.

O advogado de defesa Maurizio Rodrigues Spinelli disse que o deputado sempre esteve com os dois celulares e não teria sido feito um pedido para que ele entregasse os aparelhos.

A informação foi dada após o deputado federal ter prestado depoimento para o Ministério Público Federal (MPF) no Batalhão Especial Prisional (BEP), onde permanece preso.

O advogado disse ainda que o prédio, onde o parlamentar estava, é um edifício administrativo e não funciona como um presídio convencional. Spinelli classificou como um “ato contínuo” a permanência dos aparelhos junto com Daniel Silveira.

A versão apresentada nesta sexta-feira (26) contradiz a declaração de André Rios, outro advogado de Silveira. No dia em que os aparelhos foram apreendidos, a defesa afirmou que não sabia de quem eram os celulares e como foram parar lá.

“Não sei. Vocês têm que esperar o fim da apuração da PF para poder saber quem foram os responsáveis, como foi feito, aí eu não sei”, disse o advogado André Rios na época da prisão.

Fonte: G1

MINISTRO ROGÉRIO MARINHO É INTERNADO E PASSA POR CIRURGIA

Foto: Marcos Corrêa.

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho está internado em um hospital de Belo Horizonte após se sentir mal na noite desta quinta-feira (25). De acordo com o Hospital Felício Rocho, ele deu entrada na unidade de saúde com dor intensa no ombro esquerdo e precisou passar por uma artroscopia.

O hospital afirmou que, durante o procedimento, os médicos precisaram retirar um implante metálico, que havia sido colocado em uma cirurgia anterior. Conforme nota da assessoria de imprensa do Felício Rocho, o procedimento transcorreu sem intercorrências e o paciente passa bem. Ele deve ter alta neste fim de semana.

Fonte: R7

BOLSONARO: DIÁLOGOS ENTRE DALLAGNOL E MP REVELAM ‘PERSEGUIÇÃO À MINHA FAMÍLIA’

Foto: Instagram/Reprodução.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira, 26, que “vários diálogos” entre o procurador da República Deltan Dallagnol, ex-coordenador da Operação Lava Jato no Paraná, e membros do Ministério Público demonstram “perseguição” à sua família.

O chefe do Executivo citou que diálogos revelados entre procuradores da Lava Jato sobre vazamentos de dados de sua família ocorreram em 2019, quando Bolsonaro já era presidente. Ele mencionou ainda ter havido um movimento para “cooptar” seu entorno para a indicação do novo Procurador-Geral da República em 2019, quando decidiu escolher Augusto Aras para o cargo, nome que estava fora da lista tríplice da Associação Nacional de Procuradores da República (ANPR).

“A perseguição à família Bolsonaro se mostra em vários diálogos entre Dallagnol e membros do MP (Ministério Público). Além de quebra criminosa de sigilos, a tentativa de cooptar o entorno do Presidente da República para a escolha do PGR em 2019″, escreveu em sua página oficial do Facebook.

Dellagnol querer dizer ser brincadeira tais diálogos demonstra querer fugir de sua responsabilidade. Os diálogos do vazamento da família ocorreram em 2019, onde Bolsonaro já era Presidente da República. ISSO É CRIME!”, afirmou.

Na publicação nas redes sociais, Bolsonaro compartilhou texto que cita um “complô” contra sua família, em especial o filho mais velho do presidente, o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ). O senador é alvo de investigação que apura desvios de salários de funcionários em seu antigo gabinete na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).

Na quarta-feira, 24, o presidente encerrou uma entrevista coletiva ao ser questionado sobre a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de anular a quebra do sigilo bancário e fiscal de Flávio Bolsonaro no âmbito das investigações das chamadas “rachadinhas”.

Fonte: Estadão Conteúdo

JUSTIÇA ACEITA DENÚNCIA CONTRA BOULOS POR INVASÃO AO TRÍPLEX DO GUARUJÁ

Ex-candidato do Psol a prefeito de São Paulo e a presidente da República nas últimas eleições, Guilherme Boulos se tornou réu junto a mais duas militantes do MTST. Foto: Marcello Casal Jr.

A Justiça Federal de São Paulo aceitou uma denúncia do MPF (Ministério Público Federal) contra Guilherme Boulos (Psol) pela ocupação do tríplex atribuído ao ex-presidente Lula no Guarujá (SP), em abril de 2018. Eis a íntegra de decisão (107 KB).

O líder do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto) e candidato do Psol a prefeito de São Paulo e a presidente da República nas últimas eleições se tornou réu junto a mais duas militantes do movimento.

Em decisão desta 5ª feira (25.fev.2021), a juíza Lisa Taubemblatt, da 6ª Vara Federal de Santos, acatou a argumentação do MPF de que teria havido violação ao artigo 346 do Código Penal.

Essa é a redação do artigo:

Art. 346 – Tirar, suprimir, destruir ou danificar coisa própria, que se acha em poder de terceiro por determinação judicial ou convenção:

Pena – detenção, de seis meses a dois anos, e multa.

A juíza havia rejeitado, em janeiro de 2020, denúncia contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que estava no pedido inicial do MPF.

DEFESA

Para Boulos, a acusação feita pelo MPF é “a nova farsa do tríplex”. “A decisão de agora mostra, mais uma vez, a Justiça Federal sendo conivente com as atrocidades promovidas no âmbito da Lava Jato, que estão novamente em evidência com a divulgação de novas conversas comprometedoras entre procuradores”, disse, em comunicado divulgado pela sua assessoria de imprensa.

De acordo com a nota, os advogados que acompanham o caso consideram a denúncia absurda e afirmam que a decisão, por ser inconsistente, certamente será revista.

“Há certeza de que Boulos não praticou nenhum crime e também convicção da inocência dos militantes do MTST”, afirmaram os defensores. “O apartamento que já foi ‘de Lula’ e ‘da OAS’ , agora aparentemente dizem pertencer ao MTST e ao Boulos, pois só isso explica a acusação de destruição de coisa própria. Não se pode esperar que um sistema que não consegue definir nem mesmo critérios mínimos de ‘propriedade’ tenha ‘propriedade’ para avaliar a profundidade envolvida no direito constitucional de manifestação e de denúncia como o envolvido no presente caso”, declararam.

Fonte: Poder360

TECNOLOGIA 5G ESTARÁ DISPONÍVEL EM TODAS AS CAPITAIS ATÉ JULHO DE 2022

Foto: pixabay.

A tecnologia do 5G estará disponível em todas capitais brasileiras até julho de 2022. O edital para o leilão do 5G foi aprovado ontem (25) pelo Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que também decidiu pela obrigatoriedade da adoção imediata do padrão em formato standalone, o que demanda a implantação de uma rede independente do atual 4G. O edital agora será encaminhado para análise do Tribunal de Contas da União (TCU).

Essa tecnologia permite o tráfego de dados até 100 vezes mais rápido que o padrão de quarta geração (4G), por utilizar um espectro de rádio mais abrangente, o que permite que mais aparelhos móveis se conectem simultaneamente, com mais estabilidade do que as redes atuais. Além disso, a tecnologia favorece a uso de ferramentas inteligentes, interconexão de equipamentos e máquinas em tempo real e da chamada chamada Internet das Coisas (IoT).

A expectativa é que o TCU conclua a análise do edital até o fim do primeiro semestre. O edital aprovado prevê a licitação de radiofrequências nas faixas de 700 MHz, 2,3 GHz, 3,5 GHz e 26 GHz. Segundo a Anatel, a liberação dessas frequências vai proporcionar maior volume de recursos de espectro para que as prestadoras possam expandir suas redes.

A proposta também estabelece obrigações de cobertura para as operadoras que arrematarem os blocos, entre as quais estão a necessidade de investimentos para oferecer a tecnologia 4G ou superior e também backhaul (redes de acesso) em áreas sem ou com pouca cobertura do serviço.

Em municípios com mais de 500 mil habitantes, o prazo limite para implantar o 5G é julho de 2025, nos que têm mais de 200 mil, julho de 2026 e, naqueles com população acima de 100 mil, em julho de 2027.

A previsão é que 60% dos municípios com menos de 30 mil habitantes estejam atendidos até dezembro de 2027, meta que sobe para 90% até dezembro de 2028 e 100% até dezembro de 2029.

Fonte: Agência Brasil

CENTRAIS DO CIDADÃO SUSPENDEM ATENDIMENTO PRESENCIAL A PARTIR DE 1º DE MARÇO

Centrais do Cidadão do Rio Grande do Norte terão o atendimento presencial suspenso a partir da próxima segunda-feira. Foto: Assecom/Governo do RN.

A Secretaria de Estado da Administração (Sead), por meio da Coordenadoria de Atendimento ao Servidor e Cidadão (Codaci), suspenderá, a partir da próxima segunda-feira (1), o atendimento presencial ao público externo em todas as Centrais do Cidadão no Rio Grande do Norte. A decisão foi motivada para fins de prevenção da transmissão do coronavírus, em razão do recente aumento no número de casos da covid-19.

A suspensão do atendimento ao público está justificada pela Portaria Conjunta Nº 01/2021 – Sesap/Sead, publicada nesta sexta (26) no Diário Oficial do Estado, a qual recomenda que os atendimentos presenciais nos órgãos públicos da administração direta e indireta sejam temporariamente suspensos, em virtude do alastramento da Covid-19.

O retorno das atividades nas Centrais do Cidadão ficará condicionado aos indicadores constantes na portaria. Ou seja, os atendimentos presenciais somente voltarão a ser realizados quando a taxa de ocupação dos leitos estiver abaixo dos 80%. Atualmente, este índice encontra-se elevado em todas as regiões do RN.

Durante o tempo em que os atendimentos estiverem suspensos, a Codaci e os órgãos que compõem o Programa das Centrais do Cidadão, de forma conjunta, farão um diagnóstico da situação de cada unidade, a fim de planejar novas tomadas de decisão e propor melhorias para quando estas forem reabertas. “Pretendemos expandir os equipamentos de proteção disponíveis nas Centrais e redobrar as medidas de higienização nas Centrais. Além disso, articular outras possibilidades para garantir mais segurança tanto para os servidores quanto para os cidadãos”, adiantou Luis Renato Nogueira.

RN REGISTRA 1.535 NOVOS CASOS DE COVID-19 E MAIS 9 ÓBITOS, SENDO 4 NAS ÚLTIMAS 24H

Mortes ocorreram nos municípios de Natal, Caicó, Mossoró e Senador Georgino Avelino. Foto: pixabay.

O Rio Grande do Norte contabiliza 165.050  casos de infecção pelo novo coronavírus, desde o início da pandemia, segundo dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) nesta sexta-feira (26). De acordo com o boletim da Sesap, foram 1.535 novos casos em relação à ontem (25).

Quanto aos óbitos, o número total é de 3.562, sendo quatro registrados nas últimas 24 horas – em  Natal (1), Caicó (1), Mossoró (1) e Senador Georgino Avelino (1) – e outros cinco confirmados após exames laboratoriais de dias anteriores. Outras 718 mortes seguem em investigação e 730 foram descartadas.

O Estado tem ainda 85.883 casos suspeitos, 361.297 casos descartados e 65.815 casos inconclusivos, classificados como síndrome gripal não especificada.  O número de pacientes recuperados segue em 118.035. Pelos dados divulgados ontem (25), o RN contabilizava 163.515 casos confirmados de contaminação pelo novo coronavírus, 3.553 mortes, 84.710 casos suspeitos e 359.798 casos descartados.

Quanto à taxa de ocupação geral das unidades de saúde, os números no início da tarde de hoje mostram 86,8%. São 474 pessoas internadas em leitos clínicos (enfermaria) e críticos (UTI).

A região metropolitana está com 88,3% dos leitos ocupados, a região oeste com 84,5% e a Seridó com 85,7% de ocupação. Até o final da manhã, havia 37 leitos críticos disponíveis e 244 ocupados, já em relação aos leitos clínicos, eram 56 disponíveis e 230 ocupados.

OBJETIVO É PROTEGER MANDATOS DOS DEPUTADOS, DIZ RELATORA DA PEC DA IMUNIDADE

Foto: Reprodução

A deputada Margarete Coelho (PP-PI), relatora da PEC, rejeita a afirmação de que proposta facilitará impunidade

Em entrevista à CNN, a deputada Margarete Coelho (PP-PI), autora da PEC da Imunidade Parlamentar falou sobre o assunto, e disse que o texto não trata de impunidade, mas sim proteger o mandato dos parlamentares.

“O objetivo aqui é deixar claro que a imunidade busca proteger não o parlamentar, mas o mandato eleito pelo povo”, disse Margareth, que ressaltou que vem sendo consultada por colegas do Congresso para encontrar um acordo para que texto seja aprovado.

Foto: CNN Brasil

“Os parlamentares estão procurando um texto médio, que, ao mesmo tempo, deixa claro os parâmetros da imunidade e não promova impunidade, deixando claro os limites e os excessos que devem ser punidos.”

Publicado por Guilherme Venaglia/CNN Brasil

DECRETO DO GOVERNO PREVÊ “SIMPLIFICAÇÃO” DE REGRAS TRABALHISTAS; ENTENDA

   Foto: Agência Brasil

Juristas defendem necessidade de maior participação do Legislativo e debate mais amplo com a sociedade civil 

O Ministério da Economia disponibilizou para consulta pública uma proposta de simplificação das leis trabalhistas . Apesar da argumentação de que o texto não fere nenhuma legislação vigente, a Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra) vê inovações e até inconstitucionalidades no texto, além de pontos polômicos como a ampliação do número de atividades com autorização permanente para o trabalho em domingos e feriados .

A Anamatra em conjunto com outras entidades trabalhistas, disse em nota que o texto do decreto “apresenta um arcabouço jurídico inovador ”, com princípios próprios e normas diferentes das previstas na Constituição e nas leis, em “manifesta violação ao processo legislativo”. Na visão da entidade, o texto promove “alteração da lógica protetiva da legislação trabalhista”.

consulta segue aberta até o dia 5 de março, e mesmo tendo passado pela aprovação das autoridades jurídicas do governo, está aberta para contribuições. O documento tem 182 artigos e já recebeu mais de 760 sugestões de alteração.

   Trabalho aos domingos e feriados

A proposta foi apresentada sob a forma de “marco regulatório trabalhista simples, desburocratizado e competitivo”.

O secretário de Trabalho do Ministério da Economia afirma que o governo não pretende alterar a regra de trabalho aos domingos, apenas eliminar a “etapa burocrática” da negociação coletiva para permitir a adesão do setor. “A interpretação corrente é que precisa ser (no domingo) pelo menos uma vez a cada sete finais de semana. A gente não tá mexendo nisso. É um tema superpolêmico, já foi discutido na MP 905 (que buscava incentivar a geração de emprego e acabou perdendo validade sem aval do Legislativo) e acho que não há receptividade no Congresso para debater esse tema”, disse em entrevista ao Estadão.

Do IG/Economia

TCU INVESTIGA CONSULTORIA QUE EMPREGOU MORO E FALA EM BLOQUEAR PAGAMENTOS

 

O ex-ministro e ex-juiz federal Sergio Moro é alvo de investigação determinada pelo TCU (Tribunal de Contas da União) Foto:Sérgio Lima/Poder 360

O ministro Bruno Dantas, do TCU (Tribunal de Contas da União), publicou um despacho (íntegra – 522 KB) em que questiona a legalidade de contrato firmado entre a consultoria Alvarez & Marsal e o ex-juiz federal e ex-ministro da Justiça, Sergio Moro.

O documento, assinado na última 4ª feira (24.fev.2021), requisita à empresa e ao juiz da 1ª Vara de Falências de São Paulo que esclareçam se “o contrato celebrado com o ex-juiz se trataria, na verdade, da ‘compra’ de informações privilegiadas obtidas pelo então magistrado” para que seja avaliado o bloqueio de pagamentos à consultoria.

Dantas solicita que a Alvarez & Marsal informe o valor da remuneração paga a Moro. Ele levanta a possibilidade de o ex-juiz ter tido acesso a informações sigilosas do funcionamento da Odebrecht e se beneficiar por “ter contribuído para a situação de insolvência da empresa”.

“Soa deveras conflitante que, após ser investida na condição de administradora judicial das empresas do grupo Odebrecht, em 17.jun.2019, a Alvarez & Marsal tenha incorporado ao seu quadro societário, em 30.nov.2020, o ex-juiz Sergio Moro”, escreveu o ministro.

“Além de possuir informações privilegiadas sobre o funcionamento das empresas do grupo Odebrecht, o então juiz teria tomado decisões judiciais e orientado as condições de celebração de acordos de leniência, o que naturalmente contribuiu para a situação econômico-financeira da empresa da qual resultou o processo de recuperação judicial”, afirmou Dantas.

O ministro do TCU também citou as supostas mensagens reveladas pela operação Spoofing em que Moro teria orientado a forma de atuação de procuradores do MPF (Ministério Público Federal) com a Odebrecht.

“Mensagens tornadas públicas recentemente apontam para o fato de que o ex-juiz teria orientado a forma de atuação de procuradores do MPF nas denúncias e ações contra a empresa”, disse.

Moro foi contratado pela consultoria norte-americana em dezembro, para atuar na área de “disputas e investigações”. A empresa tem quase R$ 26 milhões a receber de alvos da operação Lava Jato, como a Odebrecht.

O ofício assinado pelo ministro do TCU responde a um pedido do subprocurador-geral Lucas Rocha Furtado, do MPTCU (Ministério Público junto ao Tribunal de Contas da União), que solicitou ao Tribunal (íntegra – 87 KB) que determine a suspensão de qualquer pagamento à empresa Alvarez & Marsal referente à recuperação judicial da Odebrecht, até que o tribunal avalie o papel de Moro no agravamento da situação econômica da empreiteira.

Duas decisões judiciais estabelecem os montantes destinados ao escritório que Moro presta consultoria. Num dos despachos (íntegra – 68 KB), de 2019, o juiz João de Oliveira Rodrigues Filho determina que a Atvos, produtora de etanol pertencente ao grupo Odebrecht, pague o valor de R$ 10,8 milhões, em 30 parcelas de R$ 360.000.

A outra decisão (íntegra – 60 KB), de 2015, estipula à OAS o valor de R$ 15 milhões, divididos em 30 parcelas mensais, sendo as 10 primeiras no valor de R$ 400.000, as 10 seguintes no valor de R$ 500.000 e as 10 últimas no valor de R$ 600.000. Esse contrato, segundo o escritório informou ao Poder360, foi firmado em 2015.

Ao pedir a suspensão de pagamentos para a Alvarez & Marsal, Furtado diz ser necessário considerar o “risco de conflito de interesses que pode surgir” quando Moro, em um primeiro momento, “atua em processo judicial que interfere no desempenho econômico e financeiro da empresa e, em em um segundo momento, aufere renda, ainda que indiretamente, com o processo de recuperação judicial para o qual seus atos podem ser contribuído”.

O QUE DIZ A ALVAREZ & MARSAL

Em 1º de dezembro, ao Poder360, a assessoria da Alvarez & Marsal negou que o contrato assinado por Moro possa gerar conflitos de interesse.

“Sergio Moro foi contratado para atuar na área de ‘Disputes and Investigation’, liderado por Marcos Ganut no Brasil. Existe uma alta demanda do setor privado para o desenvolvimento e criação de sistemas de integridade, conformidade e compliance. A A&M atua na busca pelo aprimoramento, reestruturação e adoção de políticas efetivas de conformidade das empresas, e não na defesa delas”, diz a nota.

“Foi estabelecido uma cláusula contratual em que Moro não atuará em projetos que possam gerar conflitos de interesse. Mais do que isso, a A&M não advoga em defesa das companhias, mas como advisor para reestruturações e transformações corporativas, esta última prática onde se encontra a área de ‘Disputes and Investigations’”, acrescenta o escritório.

Do Poder 360

DEPUTADA CRISTIANE COBRA TRANSPARÊNCIA DO GOVERNO SOBRE COMPRA DE VACINAS PARA O RN

Foto: João Gilberto/ALRN.

Diante da recente decisão do Supremo Tribunal Federal, autorizando estados e municípios a comprarem vacinas contra a Covid-19, a deputada estadual Cristiane Dantas (Solidariedade) apresentou na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte um requerimento para que seja apresentado um plano com estimativas, calendários, quantidades, a quem será feita a compra e a previsão orçamentária acerca da aquisição de vacinas contra a Covid-19 (Coronavírus) para o Rio Grande do Norte.

A solicitação foi direcionada à governadora, Fátima Bezerra, e ao secretário estadual de Saúde, Cipriano Maia. “Como o Estado já manifestou interesse em adquirir as vacinas, é necessário que apresente informações seguras, transparentes e coerentes acerca dessa possível compra, visto já termos tido problemas com aquisição de respiradores junto ao Consórcio Nordeste, onde tivemos um calote de R$ 5 milhões em recursos públicos”, argumentou a parlamentar.

Para Cristiane, a futura aquisição dos imunizantes não deveria ser viabilizada em compra coletiva pelo Consórcio Nordeste. “Já são mais de seis meses sem informações sobre o destino dos R$ 5 milhões destinados aos respiradores. O governo não pode incorrer no mesmo erro de adquirir a vacina através do Consórcio, sob o risco de termos um novo calote e isso seria inadmissível”, frisou.

No requerimento, a deputada também solicita que, sendo possível, a aquisição só seja feita para vacinas contra a covid-19 devidamente autorizadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), afim de evitar risco à saúde da população potiguar.

SINE OFERECE 46 VAGAS DE EMPREGO EM NATAL, MOSSORÓ E CURRAIS NOVOS NESTA SEXTA (26)

O Sistema Nacional de Empregos (Sine-RN) oferece hoje 46 vagas de trabalho para Natal, Mossoró e Currais Novos nesta sexta-feira (26). A maior parte das vagas é para a capital (veja abaixo). O cargo com mais oportunidades é de auxiliar na fabricação de artefatos de cimento.

Para concorrer as vagas, o(a) candidato(a) deve se cadastrar via Internet no  portal Emprega Brasil  do Ministério do Trabalho e Emprego, através do endereço empregabrasil.mte.gov.br ou nos aplicativos Sine Fácil e Carteira de Trabalho Digital, disponíveis para Android e IOS.

Devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o atendimento presencial é realizado mediante agendamento.

Em Natal, os telefones para agendamento da unidade matriz, em Candelária, são: (84) 3190-0783, 3190-0788, 98106-6367 e 98107-4226. Os agendamentos e atendimentos acontecem de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h.

 VEJA AS OFERTAS DE VAGAS DE EMPREGO POR OCUPAÇÃO:

NATAL e GRANDE NATAL – (32 Vagas Permanentes)
AUXILIAR DE FABRICAÇÃO NAS INDÚSTRIAS DE ARTEFATOS DE CIMENTO          10
DESENHISTA TÉCNICO DE ENGENHARIA CIVIL     01
ELETROTÉCNICO  02
INSTALADOR DE SISTEMAS FOTOVOLTAICOS       02
MECÂNICO DE AUTOMÓVEL     02
MECÂNICO DE MOTOCICLETAS         01
MECÂNICO ELETRICISTA DE DIESEL (VEÍCULOS AUTOMOTORES)    01
PIZZAIOLO  02
TÉCNICO MECÂNICO EM AR CONDICIONADO       06
VENDEDOR DE PLANO DE SAÚDE      05

NATAL e GRANDE NATAL – (01 Vaga Temporária)
MECÂNICO DE AUTOMÓVEL     01

MOSSORÓ e Região
AUXILIAR DE ESTOQUE  01
AUXILIAR DE LIMPEZA    01
CONSULTOR DE VENDAS         02
MECÂNICO DE MÁQUINAS PESADAS (MANUTENÇÃO)    01
SOLDADOR  01
TÉCNICO DE MANUTENÇÃO ELÉTRICA DE MÁQUINA      01
VENDEDOR PRACISTA    01

CURRAIS NOVOS e Região
AUXILIAR ADMINISTRATIVO     02

BAÍA FORMOSA: PREFEITURA ACIONA DEFESA CIVIL APÓS CHUVA ALAGAR RUAS E CASAS

Chuva de poucas horas alagou ruas e casas em Baía Formosa, no Litoral Sul potiguar — Foto: Cedida

Entre a madrugada e a manhã desta sexta-feira (26), uma chuva  alagou ruas e casas no centro do município de Baía Formosa, no Litoral Sul potiguar. A cidade também registrou queda de energia.

De acordo com informações da a secretária de Meio Ambiente e coordenadora da Defesa Civil municipal, Bernadete Leite, pelo menos 50 casas foram alagadas em ruas de uma área conhecida como “Lavanderia”.

“Acionamos a Defesa Civil estadual e nacional e o estado também informou que está mandando equipes do Corpo de Bombeiros”, afirmou. “Estamos desde cedo nessa área mais afetada. Várias casas estão alagadas, mas alguns moradores estão resistindo a sair. O município já está providenciando alimentação e transporte para essas pessoas”, afirmou.

De acordo com moradores, a chuva começou por volta das 4h e, apesar de durar poucas horas, teve grande intensidade, afetando inclusive a rede elétrica. Mesmo prédios que foram alagados tiveram prejuízos como janelas quebradas e queda de forro.

“Foi um verdadeiro dilúvio. Praticamente metade da cidade ficou alagada. Foi uma chuva muito intensa e com raios e trovões”, disse o morador Gustavo Henrique Silve.

Segundo o empresário Alan Jhone Farias, outra área afetada foi de de Taboleirinho, onde foi feito um aterro de um córrego no passado. “Quando chove a água sobe de novo. Muitas casas foram feitas perto e estão alagadas. Muitas pessoas perderam bens. Tem um comerciante conhecido, que distribui açaí, prestes a perder o material”, relatou.

Com informações do G1/RN.

 

INMET EMITE ALERTA DE PERIGO DE CHUVA INTENSA EM 19 CIDADES DO RN; VEJA RELAÇÃO

 O município de  Arez e mais 18 municipios estão sob alerta – Foto: @studiofernandomix

O Instituto Nacional de Meteorologia emitiu, na manhã desta sexta-feira (26), um comunicado de perigo potencial por causa das chuvas sobre 19 municípios do Rio Grande do Norte, além de cidades de Pernambuco e da Paraíba. O alerta vale até às 11h de sábado (27).

De acordo com o comunicado, há previsão de chuvas com intensidade de 30 a 60 milímetros por hora ou de 50 a 100 milímetros por dia, com risco de alagamentos e deslizamentos, em cidades com tais áreas de risco.

As instruções gerais para a população, ainda de acordo com o instituto, envolvem, evitar enfrentar o mau tempo, observar alteração nas encostas, evitar uso de aparelhos eletrônicos ligados à tomada e, em caso de urgência, acionar a Defesa Civil (telefone 199) e o Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Veja as cidades do RN sob alerta:

  1. Arês
  2. Baía Formosa
  3. Brejinho
  4. Canguaretama
  5. Espírito Santo
  6. Goianinha
  7. Jundiá
  8. Macaíba
  9. Montanhas
  10. Monte Alegre
  11. Natal
  12. Nísia Floresta
  13. Parnamirim
  14. Pedro Velho
  15. Senador Georgino Avelino
  16. São Gonçalo Do Amarante
  17. São José De Mipibu
  18. Tibau Do Sul
  19. Vila Flor
Topo