ENTREGA DE RESIDENCIAL EM NATAL TEM PROTESTO, CONFUSÃO, SPRAY DE PIMENTA E TIROS COM BALAS DE BORRACHA

 Manifestantes protestaram na entrega do residencial Village de Prata — Foto: Reprodução

A entrega do Residencial Severino de Souza Marinho, em Natal, teve protesto, confusão e tiros na manhã desta sexta-feira (14). O evento contou com a participação do ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

Os manifestantes do Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB) estavam no local e tentaram entrar na área reservada para a entrega simbólica das chaves. Eles derrubaram uma grade de proteção e houve confronto com a PM e a Guarda Municipal.

De acordo com a Guarda Municipal, os manifestantes jogaram pedras e garrafas nos agentes de segurança. Foram usados spray de pimenta e tiros com balas de borracha para dispersar os manifestantes.

De acordo com Matheus Araújo, coordenador do MLB no RN, o ato aconteceu para cobrar mais estrutura no residencial.

 O Residencial Severino de Souza Marinho faz parte do complexo Village da Prata e conta com 224 unidades habitacionais, com capacidade para receber cerca de 900 moradores. Foram investidos cerca de R$ 13,6 milhões na construção do residencial, que é o último do complexo a ser entregue.

Após a confusão, a solenidade de entrega das chaves prosseguiu. Com informaçõies do G1/RN.

 

GOVERNO FEDERAL ENTREGA 224 MORADIAS A FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA EM NATAL (RN)

O Ministério do Desenvolvimento Federal (MDR) entregou, nesta sexta-feira (14), 224 moradias a famílias de baixa renda de Natal, no Rio Grande do Norte. O investimento do Governo Federal no Residencial Severino de Souza Marinho, que integra o Programa Casa Verde e Amarela, foi de R$ 13,6 milhões. No total, cerca de 900 pessoas foram beneficiadas com a casa própria.

Durante a cerimônia de entrega das chaves, o ministro do Desenvolvimento Federal, Rogério Marinho, destacou o trabalho que vem sendo realizado pelo Governo Federal para reduzir o déficit habitacional no País.

“Esperamos continuar a construir novas residências. No ano passado, foram 400 mil novas unidades habitacionais entregues. E, neste ano, nós vamos aumentar esta meta”, destacou Marinho. “Sabemos que há um déficit habitacional no Brasil inteiro, uma demanda muito grande por moradia e estamos fazendo todo o possível para responder a esse clamor popular. É um prazer olhar nos olhos e sentir a alegria das pessoas que, depois de tantos anos de espera, recebem as suas casas”, completou.

Uma das beneficiadas com a nova moradia é a dona de casa Teresa Cristina de Brito Silva . Ela comemorou as mudanças que a casa própria vai proporcionar a ela e a seus familiares. “Tudo, tudo vai mudar. Não vou precisar de ninguém nem de nada e agora vou ter um teto para colocar os meus filhos”, afirmou.

O Residencial Severino de Souza Marinho faz parte do complexo Village da Prata, que conta com oito empreendimentos, que totalizam 1.792 unidades. Último a ser entregue, o residencial Severino de Souza Marinho é composto por apartamentos de 39 m², divididos em 14 blocos de quatro pavimentos, com quatro unidades por andar. Cada apartamento conta com dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço.

O complexo tem estrutura completa de água, esgoto, energia elétrica, pavimentação, iluminação pública e drenagem, além de quadra poliesportiva, parque infantil e área de lazer e de ginástica.

Também nesta sexta-feira, o MDR entregou moradias nas cidades de Camocim, no Ceará, e Coronel Fabriciano, em Minas Gerais. Na quinta-feira (14), com a participação do presidente Jair Bolsonaro, foram entregues 500 casas em Maceió (AL).

Produção habitacional

Em 2020, o MDR entregou 420 mil moradias, das quais 55 mil foram destinadas a famílias de baixa renda. Mais de 1,68 milhão de pessoas tiveram o sonho da casa própria realizado. Foram, ainda, retomadas cerca de 30 mil unidades que estavam paralisadas e poderão contemplar 120 mil pessoas.

GILMAR MENDES RECEBE A 2ª DOSE DA VACINA CONTRA A COVID-19

Foto: Sérgio Lima

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes recebeu a 2ª dose da vacina contra a covid-19 nessa 5ª feira (13.mai.2021). Ele compartilhou a notícia no perfil oficial do Twitter.

“Ontem tomei a minha segunda dose da vacina contra a #COVID19. Apesar de o momento que vivemos ainda ser crítico, a ciência traz esperanças de dias melhores. Parabenizo o #SUS por todo o empenho e por não medir esforços para salvar vidas!”, escreveu.

Gilmar anunciou, em 16 de abril, que tomou a 1ª dose do imunizante e parabenizou a Secretaria de Saúde do Distrito Federal.

“Ontem tomei a primeira dose da vacina contra a Covid-19. Parabenizo a Secretaria de Saúde do DF que tem trabalhado intensamente pelo avanço da imunização na capital. A ciência salva vidas!”, disse na época também em seu perfil no Twitter.

Poder360

NÚMERO DE ÓBITOS DE GRÁVIDAS EM 2021 JÁ ULTRAPASSA TODO ANO DE 2020

Foto: Ana Nascimento

Os óbitos de grávidas e puérperas (mulheres que tiveram filho recentemente)  chegaram a 642 em 2021. Os dados foram atualizados ontem (13) pelo Observatório Obstétrico Brasileiro Covid-19 (OOBr Covid-19). Com esse número, o ano de 2021 já tem mais mortes maternas do que o registrado em todo o ano passado no país (457 mortes). 

Segundo o OOBr Covid-19, desde o início da pandemia, uma a cada cinco gestantes e puérperas mortas pelo novo coronavírus não teve acesso a unidades de terapia intensiva (UTI) e 33% não foram intubadas, perdendo assim a chance de serem salvas.

 “O que nós temos percebido no Brasil é uma dificuldade de estruturação da rede de atenção à gestante e à puérpera com covid. Quando falamos sobre UTI é difícil ter serviços estruturados em hospitais onde podemos ter essas pacientes assistidas por obstetras especializados em gestação de alto risco e equipe de intensivistas trabalhando juntos para que essa atenção possa ocorrer da melhor forma”, disse a criadora do OOBr Covid-19 e presidente da associação de Obstetrícia e Ginecologia de São Paulo (Sogesp), Rossana Pulcineli Vieira Francisco.

Os dados mostram ainda que entre março de 2020 e 12 de maio de 2021 são 11.664 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por covid-19, com 1.099 óbitos (9,4%) entre grávidas e puérperas. Outros 10.818 registros de SRAG com 274 mortes entre gestantes e puérperas, podem ser também episódios de covid-19, na avaliação dos pesquisadores.

Para Rossana o grande número de gestantes e puérperas internadas e os óbitos por SRAG com causa não especificada pode indicar a baixa testagem. “Isso nos preocupa muito porque pode ser um motivo para subnotificação para casos de covid-19. Dessa forma, podemos pensar que isso está acontecendo também em outros grupos de pacientes”, finalizou a obstetra.

Agência brasil

DOIS BAIRROS NA ZONA NORTE DE NATAL ESTÃO COM ABASTECIMENTO SUSPENSO

Foto: Marcello Casal Jr

Os bairros de Lagoa Azul e Pajuçara, na Zona Norte de Natal, estão com o abastecimento suspenso nesta sexta-feira (14). A Caern precisou realizar um serviço emergencial em equipamento na Rua Carneiro Ribeiro, sendo necessária a paralisação da Estação Elevatória Zona 16, localizada no bairro Lagoa Azul.

A previsão inicial é que o serviço seja concluído ainda na noite desta sexta-feira, com a retomada imediata do fornecimento. No entanto, é preciso aguardar um prazo de até 72 horas para que o abastecimento esteja completamente normalizado.

PREFEITURA DE NATAL VACINA PESSOAS DE 50 A 54 ANOS COM COMORBIDADES

Foto: Alex Régis

A Prefeitura de Natal inicia a vacinação da faixa etária de 50 a 54 anos de todas as comorbidades contempladas no Plano Nacional de Imunização. Para este público, estará disponível neste sábado (15), apenas o ginásio do SESI com funcionamento das 8h às 16h, e em nove unidades básicas de saúde (Felipe Camarão II, Bairro Nordeste, Mãe Luiza, Rocas, Alecrim, Nova Descoberta, Rosângela Lima, Nordelândia e Vale Dourado) com horário de funcionamento das 8h às 12h.

A SMS simplificou a documentação comprobatória de comorbidade e agora é necessário a apresentação de apenas um dos documentos listados, laudo médico com CID, laudo médico com descritivo da doença ou condição de saúde, declaração médica do descritivo da doença, prescrição médica com carimbo ou cupom grampeado da farmácia da UBS, PROSUS, HIPERDIA ou UNICAT ou relatórios médicos com descritivos da doença. Além disso, é necessário a apresentação do comprovante de residência de Natal, documento com foto e cartão de vacinação.

“As pessoas com comorbidades e que tenham mais de 55 anos e que, por algum motivo, não se vacinaram podem comparecer neste sábado em algum dos pontos de vacinação”, explica George Antunes, secretário de Saúde de Natal.

No domingo todas as salas de vacinação listadas vão funcionar nos horários acima citados, à exceção do SESI, que não abre aos domingos.

Neste sábado também haverá vacinação para as pessoas que vivem com HVI/Aids, no SAE Natal das 8h às 12h.

RN CONTABILIZA 14 ÓBITOS POR COVID NAS ÚLTIMAS 24H, SENDO 11 DENTRO DO DIA

Foto: Ingrid Anne

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta sexta-feira (14). Foram mais 7.243 casos confirmados, totalizando 247.512. Até a quinta-feira (13) eram 240.269 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 5.785 no total, sendo 11 mortes registradas nas últimas 24h: Natal(02), Mossoró(02), Parnamirim(01), Goianinha(01), Santo Antônio(01),  Parelhas(01), Angicos(01), Carnaúba dos Dantas(01) e Alto do Rodrigues(01).

Sesap ainda registrou outros 03 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.186. Na quinta-feira (13) o número total de mortes era 5.771.

Casos suspeitos de Covid somam 82.618. Descartados 487.375.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 92,7%, registrada no fim da manhã desta sexta-feira (14). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 649.

Até o momento desta publicação são 29 leitos críticos (UTI) disponíveis e 367 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 122 disponíveis e 282 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 89,5% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 98,2% e a Região Seridó tem 97,5%.

O Rio Grande do Norte registrou no fim da manhã desta sexta-feira (14) quarenta e sete (47) pacientes com Covid-19 com perfil de leito de UTI, de acordo com o portal Regula RN, que monitora em tempo real a ocupação de leitos públicos no estado. O levantamento foi feito às 12h.

Diante do número de leitos disponíveis (29), o número de pacientes em espera até a publicação desse post, com a devida subtração de números, registra 18 pessoas na fila por leitos críticos. A maioria dos pacientes em espera da Grande Natal.

ESTADO DEVE INDENIZAR MULHER QUE FICOU PARAPLÉGICA APÓS DISPARO DE ADOLESCENTE FUGITIVO DO CEDUC

Foto: Ilustrativa

Paraplégica após ser atingida por disparos de arma de fogo durante um assalto a uma padaria em Natal, uma cliente deverá ser indenizada pelo Estado do Rio Grande do Norte com a quantia de R$ 75 mil por danos morais e R$ 20 mil por danos estéticos, valores que deverão ser atualizados a partir de 2 de fevereiro de 2012, data do evento. O Estado também foi condenado ao pagamento de danos materiais, que deverão ser arbitrados em liquidação de sentença, sendo negado o pedido para pagamento de pensão indenizatória pelo ente estatal.

A sentença é da 5ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Natal, que em um segundo processo movido pela vítima, indeferiu o pedido de indenização e pagamento de pensão indenizatória contra a Padaria situada no bairro de Petrópolis, ao decidir que não há responsabilidade civil do estabelecimento comercial, sendo “dever do Estado – e não do empresário, em regra -, o resguardo da segurança pública”.

Na ação movida contra o Estado, a autora narrou que foi atingida por disparos de arma de fogo efetuados por um adolescente fugitivo do Ceduc Caicó durante um assalto a Padaria Petrópolis. O disparo atingiu a 7ª vértebra da sua coluna cervical, transfixou o seu pulmão e saiu pelo ombro, deixando-a paraplégica.

Relatou que foi necessário a inserção de um cateter em seu pescoço onde recebe, além de remédios, soro durante todo dia. Disse ter dificuldades em realizar atividades básicas e primárias do dia-dia, necessitando estar acompanhada de uma auxiliar de enfermagem.

Pediu a condenação do Estado ao pagamento de pensão indenizatória, no valor mensal de R$ 5 mil, indenização por danos morais no importe de R$ 200 mil e de danos estéticos no valor de R$ 300 mil.

Em uma segunda ação onde narrou os mesmos fatos, pedindo a condenação da empresa ao pagamento de pensão indenizatória no valor mensal de R$ 1.800, indenização por danos morais no importe de R$ 50 mil e danos estéticos no valor de R$ 50 mil.

A Justiça reconheceu a conexão entre os processos.

(Processos nº 0802521-30.2012.8.20.0001 e 0129099-71.2012.8.20.0001)

FUNCIONÁRIA DE HOSPITAL É DEMITIDA POR JUSTA CAUSA POR SE RECUSAR A TOMAR VACINA

Foto: Reprodução

Uma auxiliar de limpeza de um hospital infantil em São Caetano do Sul (SP) foi demitida por justa causa após se recusar a tomar a vacina contra Covid-19. A funcionária recorreu, mas a decisão do hospital foi validada pela juíza Isabela Flait, da 2ª Vara do Trabalho de São Caetano do Sul.

A auxiliar de limpeza buscou reverter a dispensa, alegando que não teve oportunidade de explicar sua decisão. Segundo o processo, a empresa comprovou ter realizado campanhas sobre a importância da vacinação, em especial para os que atuam em áreas críticas do ambiente hospitalar, e juntou advertência assinada pela trabalhadora por recusar a vacina. Outra negativa de vacinação pela mulher ocorreu menos de uma semana depois.

Segundo a juíza, é dever do empregador oferecer condições dignas que protejam a saúde, a integridade física e psíquica de todos os trabalhadores que lhe prestem serviços, e que a liberdade de consciência não deve se sobrepor ao direito à vida.

“A necessidade de promover e proteger a saúde de todos os trabalhadores e pacientes do Hospital, bem como de toda a população deve se sobrepor ao direito individual da autora em se abster de cumprir a obrigação de ser vacinada”, afirmou.

De acordo com Isabela Flaitt, a empresa cumpriu a obrigação de informar seus empregados sobre como se proteger e evitar possíveis transmissões da doença e, disse que a vacina é a única e perfeita solução de controle de uma epidemia do porte da Covid-19.

Para balizar sua decisão, trouxe entendimento do Supremo Tribunal Federal, que considerou válida a vacinação obrigatória disposta no artigo 3º da Lei 13.979/2020 (ADIs 6.586 e 6.587 e ARE 1.267.897), além de mencionar guia técnico do Ministério Público do Trabalho sobre a vacinação de covid-19, que prevê afastamento do trabalhador e considera falta grave a recusa injustificada em não se vacinar.

CNN Brasil

CURSO PARA GESTANTES DO SESC SEGUE COM INSCRIÇÕES ABERTAS ATÉ 21 DE MAIO

Foto: iStock

Com intuito de ajudar os papais e mamães de primeira viagem, o Serviço Social do Comércio do Rio Grande do Norte (Sesc), instituição do Sistema Fecomércio, oferece o curso para gestantes, em formato on-line, entre os dias 24 e 28 de maio. As inscrições seguem até o dia 21 de maio, pelo whatsapp (84) 99165-7689.

Para efetivar a inscrição, os interessados devem realizar o pagamento da taxa no valor de R$ 10, por meio de transferência bancária, com envio do comprovante. O valor arrecadado com a matrícula será destinado à compra de leite pelo Programa Mesa Brasil, e que será doado para instituições carentes.

O modelo virtual acontece em decorrência da pandemia da Covid-19, com vídeos enviados por links do Youtube do Sesc RN. Os especialistas convidados abordarão temas como: os tipos de parto, o primeiro banho do bebê, nutrição e atividade física, entre outros.

PREFEITURA DE NATAL SIMPLIFICA DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA PARA VACINAÇÃO DE PESSOAS COM COMORBIDADES

Foto: Alex Régis/Secom

Quem faz parte de um dos grupos de comorbidades para vacinação da Covid-19 deve ficar atento à documentação comprobatória para receber a primeira dose do imunizante. Com a finalidade de avançar na vacinação desse público, a Secretaria Municipal de Saúde Natal simplificou a documentação que deve ser apresentada.

Antes eram exigidos vários documentos comprobatórios, agora é necessário apresentar apenas um dos documentos listados:  Laudo médico com CID, laudo médico com descritivo da doença ou condição de saúde, declaração médica do descritivo da doença, prescrição médica com carimbo ou cupom grampeado da farmácia da UBS, PROSUS, HIPERDIA ou UNICAT ou relatórios com descritivos.

Estamos finalizando a primeira fase do público de comorbidades que, de acordo com o Plano Nacional de Imunização, contempla pessoas na faixa etária dos 55 anos a 59. Nas próximas semanas começa a fase 2, quando serão vacinados os mesmos grupos de comorbidades divididos em grupos de idade 50 a 54 anos, 45 a 49 anos, 40 a 44 anos, 30 a 39 anos e 18 a 29 anos.

Nesta sexta-feira, a vacinação das comorbidades será interrompida para que seja realizado o mutirão para a aplicação da segunda dose da Coronavac para quem recebeu a primeira dose até o dia 03 de abril.

OMS PEDE QUE PAÍSES RICOS DOEM VACINAS EM VEZ DE IMUNIZAR CRIANÇAS

Foto: Frederic J. Brown

A OMS (Organização Mundial da Saúde) pediu nesta 6ª feira (14.mai.2021) que os países ricos considerem doar vacinas em vez de imunizar crianças contra a covid-19. A organização pede que as doses que seriam utilizadas nesses grupos sejam enviadas para o Covax Facility, consórcio para o acesso igualitário das vacinas.

Tedros Adhanom, diretor-geral da OMS, afirmou que alguns dos países mais pobres não têm imunizantes suficientes para vacinar nem mesmo os profissionais de saúde. Esse é o 1º grupo prioritário da vacinação.

“Eu entendo porque alguns países querem vacinar suas crianças e adolescentes, mas agora eu peço que reconsiderem e, em vez disso, doem as vacinas para o Covax”, disse em entrevista coletiva.

Segundo os dados da OMS, mais de 1 bilhão de vacinas contra o coronavírus já foram distribuídas em todo o mundo. Mas apenas 0,3% dessas doses foram aplicadas em países de baixa renda.

Essa não é a 1ª vez que Adhanom crítica a forma como as doses são distribuídas entre os países. Em fevereiro, o diretor da OMS afirmou que os países ricos dificultam a obtenção de vacinas pelo Covax. Eles estariam ameaçando com embargos os laboratórios das farmacêuticas para receberem as suas doses primeiro.

Agora, com muitos países em estágios mais avançados da vacinação, a atenção se voltou para crianças e adolescentes, público que não estava incluso nas campanhas de imunização. Os Estados Unidos e o Canadá já aprovaram o uso da vacina da Pfizer/BioNTech em adolescentes a partir de 12 anos.

Enquanto esses países estão a caminho da vacinação em massa, outras nações vivem o pior momento da pandemia. Exemplo disso é a Índia, que registrou nas últimas semanas recordes diários de casos e mortes por covid-19.

Mas não é apenas a Índia que tem necessidades emergenciais. Nepal, Sri Lanka, Vietnã, Camboja, Tailândia e Egito são apenas alguns dos países que estão enfrentando picos de casos e hospitalizações”, afirmou Adhanom ao pedir mais apoio aos países mais vulneráveis.

Poder360

VÍDEO: REPÓRTER É SURPREENDIDA POR BOMBARDEIO EM TRANSMISSÃO AO VIVO, DURANTE MOMENTO DE TENSÃO EXTREMA NA FAIXA DE GAZA

Foto: Reprodução

Uma repórter da emissora Al Jazeera foi surpreendida por um bombardeio durante uma transmissão ao vivo nesta quarta-feira (13), na Faixa de Gaza. Youmna al-Sayed falava sobre os recentes conflitos entre Israel e Palestina, quando um prédio, muito próximo de sua locação, foi alvo de mísseis. As cenas foram registradas e transmitidas pelo cinegrafista.

Enquanto estava no ar, a jornalista previu que o edifício Al Shakur seria atingido e derrubado pelas forças israelenses. “Houve alguns mísseis que eram ‘mísseis de alerta’. Agora eles devem começar a derrubar a torre inteira”, disse ela. Segundo Youmna, a construção reunia grande parte dos veículos de imprensa locais. “Quase todos os escritórios de mídia estão nesse prédio junto ao outro prédio que foi diretamente alvejado ontem”, continuou.

Então, é possível ouvir a primeira explosão. “Como vocês podem ouvir agora, os ataques estão direcionados para a torre”, afirmou a repórter. Em meio ao nervosismo, outro estrondo ainda maior surgiu no horizonte, levando a jornalista a buscar proteção. “Ai, meu Deus! Sim, sim, preciso me abaixar”, diz ela ao sair da frente das câmeras. Neste momento, a fumaça começa a surgir ao fundo.

“Nós vamos posicionar a câmera em direção à explosão. Direcionei a câmera para a explosão. Essa era a torre que foi derrubada, como dá para ver. Eu estava em pé, oposta a ela, quando estava falando com você. A destruição é gigantesca. Esse é um dos maiores edifícios. O prédio ainda não caiu, o que significa que mais foguetes serão direcionados a ele”, seguiu al-Sayed, tentando contornar a situação tensa da melhor forma possível.

Assista ao vídeo abaixo:

De acordo com a Al Jazeera, Youmna também explicou que o ataque à torre seria como uma ameaça à cobertura do conflito pela mídia. “Ter como alvo um baita prédio que abriga escritórios da mídia é uma clara mensagem da ocupação israelense, que não quer que nenhuma mídia conte a verdade do que está acontecendo na Faixa de Gaza: os loucos ataques aéreos que estão acontecendo a todo momento; as mortes e o foco nos civis de prédios residenciais e apartamentos; as centenas de palestinos que ficaram feridos em só dois dias de escalada”, avaliou a repórter.

UOL

RN RECEBE TERCEIRA CARGA DE CORONAVAC EM UMA SEMANA

Foto: Assecom/RN

O Rio Grande do Norte recebeu nesta sexta-feira (14) a terceira carga de vacinas Coronavac em uma semana. O lote com 16,6 mil unidades foi recebida pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) no fim da manhã e será destinada à continuidade do trabalho de diminuição do déficit de segunda dose do imunizante produzido pelo Instituto Butantan.

As duas cargas anteriores já recebidas foram repassadas às gestões municipais prontamente para diminuir a falta de 87 mil imunizantes apurada ao longo da semana passada.  O Governo e a Sesap aguardam a complementação do volume acertado com o ministério para zerar a fila da segunda dose dentro dos próximos dias.

A sinalização feita pelo órgão é de que o carregamento chegue ao RN ainda no fim de semana.

A carga foi recebida na Unidade Central de Agentes Terapêuticos (Unicat), junto com caixas de anestésicos do kit intubação para UTIs Covid e outros materiais, poucas horas após a Sesap iniciar a distribuição às cidades potiguares das doses de Coronavac e Oxford entregues na quinta-feira (13), em um total superior a 89 mil doses. A distribuição contou com o apoio da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar.

Na manhã de segunda-feira (17), a Sesap distribuirá a carga de vacinas da Pfizer. Por conta da logística de armazenamento do imunizante, que precisa ficar a baixas temperaturas, apenas municípios da Região Metropolitana de Natal receberão, como foi acordado durante a semana, para reforçar o trabalho de vacinação no público com comorbidades.

HOMEM REAGE A ASSALTO E MATA SUSPEITO A TIROS EM NATAL

 Foto: Geraldo Jerônimo/Inter TV Cabugi

Um homem reagiu a um assalto na manhã desta sexta (14) em Natal e matou um suspeito a tiros. A ocorrência aconteceu na Rua São José, em Lagoa Nova, na Zona Sul da capital.

De acordo com a Polícia Militar, dois homens anunciaram o assalto, a vítima sacou uma arma e reagiu atirando. Um dos criminosos foi baleado e morreu no local, o outro conseguiu fugir.

O homem que atirou, segundo o advogado dele, é atirador desportista e estava a caminho do stand de tiro.

“Ele foi abordado por dois homens que vinham em um carro branco. Um dos suspeitos anunciou o assalto e apontou uma arma pra ele. Nesse momento ele reagiu e atirou”, disse o advogado Wilson Medeiros Barros.

O advogado informou ainda que o homem tem porte de arma e permaneceu no local da ocorrência até a chegada da Polícia Militar.

G1/RN

Topo