CANGUARETAMA ENCERRA COM MISSA E PROCISSÃO, FESTA DEDICADA À NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

No dia 08 de Dezembro, a cidade de Canguaretama viveu uma grande festa religiosa. Toda Igreja Católica se reuniu, vindo fiéis de todos os lugares para comemorar o dia da padroeira da cidade – Nossa Senhora da Imaculada Conceição.

As comemorações se iniciaram pela manhã com a celebração da Santa Missa, encerrando com uma linda  e grande procissão no finalzinho da tarde.

A história:

Em 8 de dezembro de 1854 o Papa Pio IX declarava o dogma de fé

Há 150 anos em Lourdes, na França, Nossa Senhora apareceu para a menina Bernadette. Era o ano de 1858. Em 1854 o Papa Pio XI tinha proclamado solenemente o dogma da Imaculada Conceição de Maria. Então, quatro anos depois, a própria Virgem Maria, em pessoa, quis confirmar este dogma. Foi quando em 25 de março de 1858, na festa da Anunciação, revelou seu Nome a Santa Bernadette nas aparições de Lourdes. Disse-lhe ela:

“Eu sou a Imaculada Conceição”.
A partir daí, o padre Peyramale, que era o Cura de Lourdes, passou a acreditar nas aparições de Maria à pobre Bernadette, e com ele toda a Igreja.

Enquanto os fiéis chegavam para a Santa Missa, os jovens coroinhas muito bem apresentados e de maneira descontraída, aguardavam o início da grande celebração.

O prefeito da cidade acompanhado da primeira-dama, mantendo a tradição do lugar, também foi homenagear a Santa padroeira de Cangua retama.

 Na entrada da Igreja Matriz, os grupos religiosos guardavam  a entrada principal da Igreja, recebendo os irmãos que não paravam de chegar.

O empresário Marcelo Alecrim, filho ilustre da cidade e primo do prefeito Wellison, como já é tradição, retorna todos os anos para sua terra, onde no dia dedicado à Padroeira da cidade, também celebra com familiares e amigos,  a sua data natalícia.

A família do prefeito de Canguaretama, na primeira fila, aguardava juntamente com os demais fiéis a entrada do celebrante.

O coral  muito afinado  louvava o início da Santa Missa.

De pé, todos receberam os sacerdotes de Deus.

A religiosodade dos canguaretamenses fez lotar a Santa casa de Deus.

O padre Flávio Herculano conduziu a celebração falando da fé cristã do povo canguaretamense, enaltecendo o dia dedicado à Padroeira do município, Nossa Senhora da Conceição.

A igreja assistiu atentamente a belíssima encenação que contou a participação dos coroinhas da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição.

Um ato de rara  beleza tornou mais rica e bela a missa em ação de graças à Nossa Senhora da Conceição.

O gesto singelo de colocar uma rosa entre as mãos postas de Nossa Senhora  da Conceição, levou a mensagem de que a semente da paz deve ser plantada sempre nos corações do povo de Canguaretama.

A leveza das crianças, seguida da pureza dos adultos, prendia a atenção de cada fiel devoto de Nossa senhora da Conceição.

Em cada olhar, em cada fisionomia, era nítida a fé e a religiosidade do povo da terra dos Mártires.

Outro momento bonito e de grande reflexão foi a apresentação da PALAVRA, narrada e apresentada por uma jovem pré-adolescente, que com a sua voz fime e pura anunciou a boa nova.

 

O padre Flávio Herculano fez os agradcimentos finais olhando para a Santa protetora do povo de Canguaretama, agradecendo a comunidade pela participação de todos e de cada um, durante os festejos dedicados à Nossa Senhora da Conceição.

Uma grata surpresa foi encontrar o nosso conterrâneo, padre Neto, ontem uma criança mipibuense, hoje um homem de Deus.

Finalizando o ato religioso, o padre Flávio convidou os aniversariantes do dia para que no altar sagrado recebecem as bençãos ds Santa Padroeira e os vivas dos irmãos em Cristo Jesus.

Oração a Nossa Senhora da Conceição

Virgem Santíssima, que fostes concebida sem o pecado original e por isto merecestes o título de Nossa Senhora da Imaculada Conceição e por terdes evitado todos os outros pecados, o Anjo Gabriel vos saudou com as belas palavras:  “Ave Maria, cheia de graça”; nós vos pedimos que nos alcanceis do vosso divino Filho o auxílio necessário para vencermos as tentações e evitarmos os pecados e, já que vós chamamos de Mãe,  atendei-nos com carinho maternal e ajudai-nos a viver como dignos filhos vossos.

Nossa Senhora da Conceição, rogai por nós.

Deixe o seu comentário