PORTELA É A CAMPEÃ DO CARNAVAL 2017 DO RIO APÓS 33 ANOS DE JEJUM

Fotos: Rodrigo Gorosito / Portela apresenta o enredo ‘quem nunca sentiu o corpo arrepiar ao ver esse rio passar’

A Portela quebrou um jejum de 33 anos e é a grande campeã do carnaval do Rio de 2017. No segundo ano com o carnavalesco Paulo Barros, a escola de Madureira desfilou na avenida as lendas dos rios. Agora com 22 títulos, a Portela é a escola que mais vezes foi campeã. A Mocidade ficou em segundo lugar.

Portela trouxe representação de barco flutuando sobre um rio

Desfile

A Portela foi a penúltima escola a pisar na Marquês de Sapucaí e fez um desfile sobre as lendas dos rios: Iara, Boiúna, cobra-grande, boto cor de rosa e deuses deram as caras na avenida.

A escola de Madureira começou falando das nascentes e de como os rios foram dando início a povoados, aldeias e civilizações. O clássico de Paulinho da Viola, “Foi um rio que passou em minha vida”, também fez parte do enredo.

Carros e fantasias jogaram água na Sapucaí. A comissão de frente representou uma piracema, com componentes vestidos de peixe e nadando em direção à nascente. Uma das alas era de “crocodilos” que rastejaram na avenida. O quarto carro trocou o azul das águas pelo marrom, para lembrar como ficou o Rio Doce após o desastre ambiental de Mariana (MG).

A águia, símbolo da escola, veio no tradicional abre-alas. Imponente, ela parecia tomar conta de uma fonte e borrifava água.

Desfilaram pela Portela 3,4 mil componentes em 31 alas. O carro abre-alas mostrou a “Fonte da vida”, com uma mensagem de preservação das matas em torno das nascentes.

Do G1/RJ

Deixar uma Resposta

Publicidade