TRUMP E KIM DÃO APERTO DE MÃOS HISTÓRICO EM SINGAPURA

Foto Reprodução/GloboNews

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, deram as mãos antes de uma inédita reunião, em Singapura. É a primeira vez na história que líderes dos dois países se encontram pessoalmente. Trump e Kim ficaram frente a frente após terem passado 2017 inteiro trocando ofensas e ameaças de destruição mútua.

O aguardado aperto de mãos entre o presidente americano e o líder norte-coreano ocorreu às 9h05 de terça-feira em Singapura (22h05 desta segunda-feira – hora de Brasília), no Hotel Capella, na ilha de Sentosa.

Quando sentou ao lado de Kim, Trump disse ter esperança de que a cúpula será “tremendamente bem-sucedida”. “Teremos um ótimo relacionamento pela frente.” O ditador norte-coreano disse em seguida que havia uma série de “obstáculos” para o encontro. “Nós superamos esses obstáculos e estamos aqui hoje”, disse a repórteres, por meio de um tradutor.

Em seguida, os dois líderes realizaram uma reunião a portas fechadas. Donald Trump afirmou que sua reunião com Kim Jong-un foi “muito, muito boa”. Além disso, acrescentou que eles têm uma “excelente relação”.

Do IstoÉ

Deixar uma Resposta

Publicidade