GUEDES DEFENDE CONGELAMENTO DO SALÁRIO DE FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS

Foto: Divulgação

Durante sua fala em um painel no Fórum Econômico Mundial , em Davos, na Suíça, o ministro da Economia, Paulo Guedes , defendeu o congelamento de salários de funcionários públicos. Segundo ele, essa é uma das maiores medidas do governo para conter os gastos públicos.

A ideia de congelar os salários consta na Proposta de Emenda à Constituição ( PEC ) Emergencial , que ainda está em estágio inicial de tramitação no Congresso . Em Davos, Guedes afirmou que se os salários ficarem congelados por cerca de dois anos, a situação estaria controlada.

Além do congelamento , o ministro citou duas outras medidas já tomadas pelo governo Bolsonaro . Para Guedes , a reforma da Previdência e a redução do pagamento dos juros da dívida também são cruciais para controlar a despesa.

Em sua fala, o ministro afirmou que o Brasil já voltou à rota de crescimento, apostando que o país deve registrar alta de 1,2% no Produto Interno Bruto  ( PIB ) em 2019. Para este ano, o palpite de Guedes é que o crescimento seja de 2,5%. “Estamos começando a crescer e acreditamos que contribuiremos para o crescimento da região”, disse ele, se referindo à América Latina .

O dado oficial do crescimento do Brasil em 2019 ainda não foi divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística ( IBGE ), o que acontecerá em 4 de março.

Do IG

Deixar uma Resposta

Publicidade