SUSPEITOS BATEM CARRO ROUBADO EM BUGGY, DEIXAM TURISTAS FERIDOS E MORREM APÓS TROCA DE TIROS COM A PM NA GRANDE NATAL

Foto: Redes Sociais/ Criminosos bateram carro durante perseguição policial na Grande Natal

Três suspeitos de assalto morreram após uma troca de tiros com policiais militares no final da manhã deste domingo (6) em Genipabu, no município de Extremoz, região metropolitana de Natal. Turistas também ficaram feridos após o carro usado pelos criminosos atingir o buggy em que eles estavam. Com o impacto, segundo a polícia, as vítimas foram arremessadas do veículo.

A caso ocorreu após a polícia receber a informação de que um carro roubado – modelo Onyx – estava em poder de suspeitos na região turística. A Polícia Militar foi acionada e, após se deparar com os suspeitos, começou a perseguição. Houve troca de tiros.

Foto: Redes Sociais/ Turistas pernambucanos foram socorridos pelo Samu para o Hospital Walfredo Gurgel após acidente envolvendo carro usado por assaltantes e buggy na

Durante a tentativa de fuga, os criminosos bateram o carro roubado na lateral de um buggy que levava pelo menos dois turistas pernambucanos, segundo a polícia. Sem cinto de segurança, os passageiros foram arremessados do veículo, e sofreram algumas lesões. O casal de Recife e o motorista do buggy foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levados para o Hospital Walfredo Gurgel, na Zona Leste da capital.

Baleados, os suspeitos foram encaminhados pelos policiais ao Hospital Geral Dr. José Pedro Bezerra, conhecido como Hospital Santa Catarina, na Zona Norte da capital. Porém, de acordo com o serviço social da unidade, o corpo médico constatou que os três deram entrada na unidade já sem vida. Com informações do G1/RN.

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

BRASILEIROS ESCOLHEM HOJE REPRESENTANTES DE CONSELHOS TUTELARES

Foto: Divulgação / Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA)

Desde às 9h deste domingo os brasileiros estão votando para escolher os representantes dos conselhos tutelares em todo o país. Trinta mil conselheiros deverão ser eleitos para atuar em 5.956 conselhos em funcionamento em todo o território nacional.

A participação na escolha dos novos conselheiros não é obrigatória e a votação vai até as 17h. No momento da votação, o cidadão deverá apresentar título de eleitor e documento de identidade original com foto, ou o aplicativo e-título, da Justiça Eleitoral. Podem votar eleitores cadastrados nos tribunais regionais eleitorais até 14 de junho deste ano.

Informações sobre os locais de votação devem ser buscadas nas prefeituras, nas secretarias municipais que tratam dos direitos de crianças e adolescentes, na Justiça Eleitoral e nas próprias sedes dos conselhos.

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos dispõe de Cadastro Nacional de Conselhos Tutelares, com os respectivos endereços e contatos.

Conforme previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), podem se candidatar aos conselhos tutelares pessoas residentes no município, que tenham 21 anos ou mais e que sejam de “reconhecida idoneidade moral”.

Quem for eleito neste domingo, tomará posse em janeiro de 2020 para um mandato de quatro anos. Pela primeira vez, serão permitidas a reeleição e a recondução de conselheiros.

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

VAZAMENTO NA ADUTORA MONSENHOR EXPEDITO INTERROMPE ABASTECIMENTO EM 30 CIDADES DO RN

Foto: Reprodução/Agência Senado

Após religado o sistema, a previsão é de 48 horas para que o fornecimento de água esteja totalmente normalizado

A Adutora Monsenhor Expedito apresentou um vazamento na noite deste sábado, 5, nas proximidades de uma ponte na cidade de Monte Alegre, Região Metropolitana de Natal. A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) interrompeu o fornecimento por meio da adutora para realizar o conserto neste domingo(06).

A previsão é retomar o abastecimento assim que o serviço for concluído no início da tarde. Trinta cidades do Rio Grande do Norte estão com abastecimento de água suspenso após a vazamento na Adutora.

Cidades

As cidades atendidas pela Adutora Monsenhor Expedito são Ruy Barbosa, São Pedro, São Tomé, São Paulo do Potengi, Japi, Coronel Ezequiel, Jaçanã, São Bento do Trairi, Lajes Pintadas, São José de Campestre, Serrinha, Sítio Novo, Boa Saúde, Serra Caiada, Lagoa de Velhos, Barcelona, Bom Jesus, Lagoa Salgada, Lagoa de Pedras, Tangará, Santa Cruz, Monte das Gameleiras, Serra de São Bento, Passa e Fica, Lagoa D`anta, Monte Alegre, Ielmo Marinho, Santa Maria, Senador Eloi de Souza e Campo Redondo.

Também será afetada a cidade de Santa Cruz, que não tem o sistema operado pela Caern, mas que recebe água da Adutora Monsenhor Expedito.

Do Costa Branca News

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

JUIZ DEFERE LIMINAR QUE SUSPENDE GRATUIDADE DE ESTACIONAMENTO PARA IDOSOS E PESSOAS COM DEFICIÊNCIA EM SHOPPING DE NATAL

Foto: Divulgação

O juiz Luiz Alberto Dantas Filho, da 5° Vara da Fazenda Pública de Natal deferiu liminar que suspende a Lei Estadual 9320/2010 que concedia gratuidade de estacionamento para idosos e portadores de deficiência que portassem cartão especial emitido pelo Detran-RN, a ação libera a cobrança do estacionamento do Shopping 10, localizado no Alecrim, que impetrou a ação.

A ação judicial movida pelo Shopping 10  contra os órgãos Detran, STTU e Procon, e que o Justiça Potiguar teve acesso apontava a inconstitucionalidade da Lei Estadual, já que tal competência legislativa para dispor sobre o assunto é exclusiva da União. A tese foi acolhida pelo juiz que considerou ilegal a concessão de tal gratuidade e a aplicação de multa de R$ 1.000,00 para o estabelecimento que descumprisse.

“Defiro liminar suspendendo incidental e provisoriamente a eficácia e aplicação da Lei estadual nº 9.320, de 04/02/2010, assegurar à impetrante o direito de continuar cobrando normalmente a tarifa pela utilização do estacionamento localizado no Shopping Center denominado “Shopping 10”, até o julgamento desta demanda ou decisão judicial em contrário”, determinou o juiz.

 Do Justiça Potiguar

Deixe o seu comentário (1)
Publicidade

BOLSONARO MANDA PF E MARINHA INVESTIGAREM MANCHAS DE PETRÓLEO NO LITORAL DO NORDESTE

A praia de Ponta dos Mangues, no município de Pacatuba (CE) /Foto: Brenda Dantas / Agência O Globo

O presidente da República, Jair Bolsonaro , determinou que a Polícia Federal e o Comando da Marinha investiguem as causas e as responsabilidades sobre as manchas de petróleo encontradas em mais de uma centena de praias no litoral nordestino.

O ato, publicado em edição extra do Diário Oficial neste sábado, requisita ainda que em 48 horas sejam apresentadas a Bolsonaro as primeiras medidas adotadas sobre o tema.

O ato determina que a PF e a Marinha entrem no caso “sem prejuízo de ações coordenadas com Exército, Aeronáutica e o Ministério do Meio Ambiente”, com cada órgão atuando “no âmbito de suas respectivas competências”.

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, anunciou que irá ao Sergipe na segunda-feira para vistoriar praias afetadas junto com o governador do Sergipe, Belivaldo Chagas (PSD).

Praias de nove estados da região Nordeste já foram atingidas pelo petróleo que começou a aparecer na costa no início de setembro. De acordo com o Ibama, já são quase 130 praias atingidas em todo o Nordeste em quase 60 municípios.

Um  laudo sigiloso encaminhado pela Petrobras ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis ( Ibama ) aponta a hipótese de ser venezuelano o petróleo que tem sido encontrado na região.

A Petrobras afirmou que o óleo encontrado não é dos tipos produzidos e comercializados pela empresa.

O Globo

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

APÓS GOVERNO DO RN NEGAR MODELO CÍVICO-MILITAR NAS ESCOLAS, MUNICÍPIOS DECIDEM ADERIR A PROGRAMA FEDERAL

Projeto para escola cívico-militar não será implantado em escolas estaduais do RN — Foto: Reprodução/RRTV

Após o governo do Rio Grande do Norte informar que não vai aderir ao programa federal que quer implantar escolas cívico-militares no país, prefeituras anunciaram que vão se candidatar para tentar pelo menos uma das duas escolas que a União quer implantar inicialmente no estado. É o caso de Natal e Mossoró e Parnamirim, as três maiores cidades potiguares.

Segundo o Ministério da Educação, foi aberto nesta sexta-feira (4), um novo período de adesão, desta vez voltado para os municípios. As prefeituras interessadas poderão solicitar participação até 11 de outubro.

Na quinta-feira (3), o prefeito da capital, Álvaro Dias (MDB), usou suas redes sociais para postar uma foto no Gabinete Civil da Presidência da República. Ele afirmou que discutiu sobre a implantação de uma escola Cívico-Militar para o município com a secretária adjunta de Governo, Patrícia Brito Ávila, e seus assessores.

Já a Prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, considerou um erro alguns estados, como o Rio Grande do Norte, terem negado participação no projeto. 15 unidades federativas brasileiras aderiram ao programa. “Mais do que aceitar, lutarei para trazer uma escola desse tipo para Mossoró. Acredito que é um erro imensurável dos estados que abriram mão, logo parabenizo o estado do Ceará, que não agiu partidariamente e sim pensando no bem-estar e educação de seus jovens. Afinal, as escolas militares são referência e não há nada de política nisso”, afirmou por meio de suas redes sociais.

Escola cívico-militar

O modelo de escola cívico-militar é uma proposta do governo federal para uma gestão escolar compartilhada entre educadores e militares. No mês passado, dia 5 de setembro, o governo lançou um programa para estimular a criação de escolas cívico-militares em estados e municípios.

A ideia inicial do governo era ofertar 216 escolas cívico-militares em todos os 26 estados e no Distrito Federal até 2023. Para 2020, o objetivo é contemplar 54 escolas com o orçamento de R$ 54 milhões, sendo R$ 1 milhão por escola.

O Ministério da Defesa utilizará militares da reserva das Forças Armadas para trabalhar nas escolas que aderirem ao novo programa. Os militares deverão ser contratados por meio de processo seletivo, com tempo mínimo de serviço de dois anos, prorrogável por até 10 anos.

Os militares passarão por treinamento e receberão 30% da remuneração que recebiam antes da aposentadoria. Estados e municípios poderão destinar policiais e bombeiros militares para auxiliar na disciplina e organização das escolas.

De acordo com a pasta, as ações cívico-militares vão se concentrar em três principais áreas:

– Educacional: atividades para fortalecer valores “humanos, éticos e morais” e incentivar a formação integral dos alunos.

– Didático-pedagógica: atividades de supervisão escolar e psicopedagogia para melhorar o processo de ensino e aprendizagem.

– Administrativa: ações para melhorar a infraestrutura e organização das escolas.

Governo do RN não adere

Na última terça-feira (1º), o governo do RN anunciou que não iria aderir ao programa. Em nota divulgada pela Secretaria de Educação e da Cultura do RN, o Executivo afirma que a decisão se deu “reafirmando os princípios constitucionais como diretrizes que asseguram um ambiente educativo plural”. Além disso, o Governo afirma a falta de tempo hábil para discussão do tema.

Na semana passada, o Governo havia pedido uma prorrogação do prazo para poder analisar como funcionaria esse modelo.

Segundo o Executivo, o fato de não aderir ao modelo também tem base nas determinações do Plano Estadual de Educação, “como instância de elaboração das políticas educacionais, em articulação com o Fórum Estadual de Educação, assegurando o amplo diálogo com educadores, estudantes, familiares e sociedade civil”.

Na nota, o Governo do RN afirmou ainda que o tempo para adesão não foi suficiente para que a discussão fosse feita com as escolas. “O pedido do MEC (Ministério da Educação) para adesão ao Programa não precedeu de tempo hábil, para que essa discussão fosse feita junto às escolas e às representações constituídas, tornando a possível decisão unilateral pelo Órgão Central inviável para a Rede Estadual”.

Além disso, a nota da Secretaria de Educação diz que o MEC informa “equivocadamente” sobre a liberação de R$ 2 milhões por estado para adesão ao programa e ao mesmo tempo “nega os recursos necessários para a continuidade do fomento à ampliação das Escolas de Tempo Integral, projeto exitoso que apresenta evidências de melhoria da aprendizagem em todo o país, sintonizado com o Plano Nacional de Educação”.

Do G1/RN

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

‘VOCÊS QUE ME COLOCARAM AQUI’, DIZ ANITA EM SEU 1º SHOW DE FUNK NO ROCK IN RIO DO BRASIL

© Delmiro Junior/Photo Premium/Folhapress Anitta no Palco Mundo do Rock in Rio

Agora chamada de “próxima Ivete” pelo próprio presidente do festival, a cantora Anitta subiu ao Palco Mundo, reservado somente aos artistas de primeira grandeza, às 18 horas deste sábado 5, no sexto dia de música de Rock in Rio. A artista iniciou o show com um pout pourri de funks antigos com a participação do MC Andinho para, em seguida, emendar o Show das Poderosas, seu primeiro sucesso nacional.

hitmaker seguiu com BangParadinha e Sua Cara, enquanto rebolava em frente ao paredão de caixas de som da Furacão 2000, a equipe que ajudou a popular o funk do Rio a partir dos anos 90. Anitta também usou e abusou dos playbacks. Na sua cara, por exemplo, contou com dueto de Pabllo, que não estava no local. O mesmo se deu em Romance com safadeza, parceria sua com Wesley Safadão.

Foto: Marcelo Brandt/G1

“Vocês que me colocaram aqui em cima”, disse. “Sempre agradeço a vocês, mas hoje também agradeço a mim”, disse, antes de abrir uma sequência de bailão funk. A funkeira ainda usou o show para divulgar a música que gravou com Will.i.am, do Black Eyed Peas. A banda americana também toca na mesma noite.

Anitta já havia cantado no Rock in Rio Lisboa, em 2018. Essa edição do Rock in Rio, por sinal, foi marcada por um espaço inédito ao funk. Artistas como Ludmilla e Buchecha enfileiraram versões antigas e atuais no palco Sunset, mais cedo.

Veja-Abril.com

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

MEQUINHO LUCAS E DANIELLE FREIRE COMEMORAM OS 15 ANOS DE ANA JÚLIA

O casal Mequinho Lucas e Danielle Freire, reuniu seleto grupo de amigos e familiares, na noite do último dia 28, para comemorar os 15 anos de vida da filha Ana Júlia Freire Lucas. O concorrido evento foi realizado no Spaço Guinza, na Via Costeira, em Natal.

A debutante que é aluna do Colégio Marista da capital potiguar, compartilhou o momento ímpar de sua vida com colegas, amigos e familiares, recebendo de todos os mais sinceros votos de paz e prosperidade.

Amigos há décadas das famílias Araújo e Freire, que formam a árvore genealógica da aniversariante, como também do pai da debutante, o empresário Mequinho Lucas, aqui do nosso espaço midiático renovamos à Ana Júlia os desejos de paz, saúde e sabedoria.

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

BOLSONARO DIZ QUE NÃO QUESTIONARÁ VETOS À LEI DE ABUSO DE AUTORIDADE

Foto: Divulgação

O presidente Jair Bolsonaro afirmou neste sábado (5) que não fará questionamentos ao Supremo Tribunal Federal em relação aos vetos na lei que tipifica os crimes de abuso de autoridade. Em setembro, o Congresso Nacional derrubou 18 vetos referentes à lei.

“Eu vetei em grande parte a lei de Abuso de Autoridade. O Parlamento derrubou vetos, essa lei entra em vigor a partir do ano que vem. Lei é lei. Tem gente questionando agora, via Ação Direta de Inconstitucionalidade, no Supremo Tribunal Federal. Eu não pretendo questionar, posso fazer, mas não pretendo fazer isso daí. Essa briga já não é mais minha”, disse Bolsonaro ao participar, por meio de uma live, do Simpósio Nacional Conservador de Ribeirão Preto.

“A regra do jogo é essa. O que o Supremo decidir, eu vou cumprir. O que o Congresso votar e chegar nas minhas mãos, eu tenho poder de vetar. Se o Parlamento derrubar o veto, é lei e não se discute mais”, acrescentou.

O presidente afirmou também que não vai mais interferir no projeto de lei que altera as regras eleitorais, sancionado no dia 27 de setembro. Entre os pontos vetados pelo presidente da República, está justamente a recriação da propaganda político-partidária no rádio e na televisão, que havia deixado de existir com a reforma eleitoral anterior (Lei 13.487, de 2017).

“Fiz os vetos e o mundo caiu na minha cabeça”, argumentou. “Falaram que eu estava fazendo o jogo de cartas marcadas, para que o parlamento derrubasse o veto para que as mudanças valessem para a eleição do ano que vem”, afirmou. “E o que aconteceu? Os vetos não foram apreciados. Se forem apreciados a partir da semana que vem, eles não valem para a eleição do ano que vem. Por que a lei eleitoral precisa entrar em vigor um ano antes da eleição. Isso só valerá para 2022”, disse.

Agência Brasil

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

MARIDO PROCESSA AMANTE DE ESPOSA E GANHA INDENIZAÇÃO DE R$ 3 MILHÕES

Foto:  Reprodução/New York Post

Um marido processou o homem que, segundo ele, teria tido um caso com a sua esposa, e ganhou a indenização no valor de US$ 750 mil (equivalente a R$ 3 milhões na cotação atual). O caso inusitado ocorreu no estado da Carolina do Norte (EUA). As informações são da rede de TV americana NBC News.

Robert Kevin Howard explicou que o encontro entre sua esposa e o amante teria começado em dezembro de 2016, de acordo com processo sob delito por Alienação de Afeto.

Essa lei de 1700 vigora em ao menos seis estados americanos, dentre eles, a Carolina do Norte, e proporciona indenizações a partir de US$ 30 mil. Para que ela seja aplicada, é preciso que o cônjuge prove que o amor e o afeto do casal foram destruídos pelas ações negligentes ou maliciosas do réu. Após descobrir os eventuais encontros, Howard pediu explicações à mulher, que confessou. Ela então pediu o divórcio, finalizado somente dois anos depois.

“Foi como um soco no estômago porque achei que tinha essa confiança por 12 anos”, disse ele à NBC News.

Howard acredita que as ações do homem (o amante de sua esposa, que não teve a identidade revelada) eram intencionais. Então, ele entrou com processo contra o amante.

Baseando na Lei de Alienação de Afeto, um juiz da Carolina do Norte determinou em agosto que o amante da então esposa de Robert Kevin Howard pague o valor US$ 750 mil em indenização a ele.

Do UOL

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

CAMPANHA NACIONAL DE VACINAÇÃO CONTRA O SARAMPO COMEÇA SEGUNDA-FEIRA

Foto: Valter Campanato

Para ampliar e fortalecer a vacinação, o Ministério da Saúde estabelece metas para a liberação de recursos. Ao todo, serão R$ 206 milhões disponibilizados aos municípios que atingirem 95% da cobertura vacinal em crianças de 1 a 5 anos

A partir da próxima segunda-feira (7), o Brasil inicia nova Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo em todos os postos de saúde, com foco em dois grupos. O primeiro vai de 7 a 25 de outubro e irá imunizar crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade, com o dia D de vacinação no dia 19 de outubro. Já o segundo grupo, previsto para iniciar no dia 18 e novembro, será direcionado para adultos na faixa-etária de 20 a 29 anos que não estão com a caderneta de vacinação em dia.

A meta é vacinar 2,6 milhões crianças na faixa prioritária e 13,6 milhões adultos. Para isso, o Ministério da Saúde garantiu a maior compra de vacinas contra o sarampo dos últimos 10 anos. Ao todo, 60,2 milhões de doses da tríplice viral foram adquiridas para garantir o combate à doença nos municípios.

“Vacina é um direito da criança. Ela não consegue ir sozinha a uma unidade de saúde para se vacinar. Pais, responsáveis, avós chequem a carteira de vacinação como ato de respeito e de amor”, enfatizou o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. “Se estiver incompleta, leve a criança para tomar a segunda dose. Se a criança não tiver tomado nenhuma, ela deve tomar a primeira dose e, na sequência, a segunda”, explicou o ministro.

Para incentivar a vacinação de crianças, o Ministério da Saúde irá disponibilizar R$ 206 milhões que serão destinados aos municípios que cumprirem duas metas estabelecidas pela pasta. Para receber esse recurso adicional, os gestores terão que informar mensalmente o estoque das vacinas poliomielite, tríplice viral e pentavalente e atingir 95% de cobertura vacinal contra o sarampo em crianças de 1 a 5 anos de idade com a primeira dose da vacina tríplice viral. “

Levantamento do governo federal mostra que, até o dia 28 de agosto, 5.404 casos de sarampo foram confirmados em todo o país. Além disso, houve o registro de seis óbitos, sendo quatro deles de pacientes menores de 1 ano.

“Nós sabemos que as crianças de 6 meses a 1 ano de idade são as que respondem clinicamente pior ao sarampo. Acabam desenvolvendo um quadro de pneumonia muito grave, e os óbitos acabam tendo uma prevalência maior nessa faixa etária. Então, o clássico é vacinar aos 12 meses e aos 15 meses. Quem fez isso com seus filhos abaixo de 5 anos fez o correto, a criança está coberta e não há necessidade de aplicar mais uma dose. Aqueles que só deram uma dose aos 12 meses e não deram a segunda devem ir agora para fazer a segunda dose, porque uma dose só não dá sistema imunológico competente para enfrentar um surto de sarampo”, afirmou o ministro.

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

QUESTIONADO SOBRE PARADEIRO DE QUEIROZ, BOLSONARO RESPONDE: ‘TÁ COM A SUA MÃE’

Foto: Reprodução

Na manhã deste sábado(05),  o presidente Jair Bolsonaro cumprimentou apoiadores em frente ao Palácio do Alvorada, residência oficial da Presidência da República. Um ciclista  questionou o presidente  onde estaria Fabrício Queiroz, ex-assessor de seu filho e atual senador, Flavio Bolsonaro (PSL-RJ). Bolsonaro rebateu: “Está com sua mãe”.

Queiroz foi assessor da família Bolsonaro e trabalhou no gabinete de um dos filhos do presidente, Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), quando era deputado estadual. O ex-funcionário é uma das peças centrais nas investigações sobre movimentações suspeitas envolvendo o filho do presidente

Desde que Bolsonaro assumiu o governo, apoiadores ficam na portaria da residência oficial para tirar fotos. Hoje, o presidente chegou de moto para atender cerca de 30 pessoas, quando um ciclista que passava pelo local, sem se identificar, gritou: ‘e o Queiroz’?

Após o contratempo, Bolsonaro voltou para o Palácio do Alvorada.  Com informações do UOL.

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

CAMINHÃO CARREGADO DE PRODUTOS DE HIGIENE PEGA FOGO EM MOSSORÓ

Foto: Corpo de Bombeiros

Na manhã deste sábado (5), um caminhão carregado de produtos de higiene pegou fogo, na Avenida Alberto Maranhão, no bairro Santo Antônio, em Mossoró. Ainda não se sabe o que provocou o incêndio. Ninguém saiu ferido.

De acordo com informações dos bombeiros, o fogo começou no final da manhã, por volta das 11:00 horas, e as chamas foram contidas depois de meia hora.

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

COM PRÊMIO TRIPLICADO MEGA-SENA REALIZA SORTEIO DE R$ 18 MILHÕES

 © Sorte Online Sorteio acontece no sábado (5), a partir das 20h

Quem acompanhou a Mega-Sena durante a semana viu que no sorteio realizado na quarta-feira (2) ela acumulou, saltando de R$ 5 milhões para R$ 18 milhões. Muitos ficaram surpresos com a alta na estimativa, mas ela tem uma explicação muito simples. Portanto, não suspeite que há algo de errado e aproveite para garantir a sua aposta!

Neste sábado (5), a Mega-Sena realiza o seu concurso 2195, e é aí que está o motivo do prêmio de R$ 18 milhões. Por terminar em final 5 – assim como acontece quando o número do sorteio encerra em 0 -, a premiação estimada recebe uma injeção de dinheiro. Essas pequenas parcelas vêm da arrecadação de cada concurso, que são somadas aos prêmios dos concursos “privilegiados”.

Caso seja aplicado na poupança, o prêmio da Mega-Sena deve render, por mês, quase R$ 62 mil. Os mesmos R$ 18 milhões podem ser usados para comprar de 6 a 9 apartamentos de alto padrão em São Paulo, por exemplo. Ele ainda equivale a uma Lamborghini Veneno Roadster, considerado, em junho, o 4º carro mais caro do mundo.

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

WESLEY E JOESLEY BATISTA SEM TORNOZELEIRA ELETRÔNICA

Imagem: Reprodução

Os irmãos Joesley e Wesley Batista: receio de botar os pés, agora sem tornozeleiras, para fora de casa

Os irmãos Wesley e Joesley Batista, da J&F, não usam mais tornozeleira eletrônica. Eles tiraram o acessório na sexta, 4, após um período de quase dois anos, como informa Mônica Bergamo, na Folha.

A Justiça entendeu não ser mais necessário o uso do dispositivo, mas eles seguem impedidos de ocupar cargos nas empresas do grupo. Os dois não saem de casa com receio de serem hostilizados, sobretudo após o notório episódio em uma churrascaria sofisticada de São Paulo.

Ticiana Villas Boas, mulher de Joesley e ex-apresentadora de televisão, fechou seu círculo de amizades. Ela não recebe amigas em casa nem sai para fazer atividades até então corriqueiras, como tardes de compras e ida ao dermatologista. Ela e Josley tiveram um filho em maio.

VEJA.com//www.msn.com

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

IVETE SANGALO SE VESTE DE MORTÍCIA ADAMS EM ANIVERSÁRIO DO FILHO

Foto: Reprodução/Instagram

A cantora Ivete Sangalo se vestiu de Mortícia, matriarca da Família Adams, para comemorar os 10 anos do filho mais velho, Marcelo.

O primogênito de Ivete e do nutricionista Daniel Cady fez aniversário no último dia 2, quando ganhou declaração da mãe e foi comparado a ela pela semelhança física por Fátima Bernardes.

Marcelo, o pai, e as irmãs, as gêmeas, Marina e Helena, de 1 ano, também entraram no clima de terror. “Família Sangalo Cady Adams. Festejar os nossos filhos é uma alegria! Festa mais que horripilante para o meu amorzão Marcelo!”, escreveu ao compartilhar foto em sua rede social a técnica do “The Voice Brasil”, encerrado neta semana com o pentacampeonato de Michel Teló. Com informações do Purepeople.

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

MINISTRO DO STF NOTIFICA BOLSONARO POR RELACIONAR ONGS A QUEIMADAS NA AMAZÔNIA

Foto: José Cruz

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes notificou o presidente Jair Bolsonaro a explicar sobre sua declaração de que os incêndios na Amazônia poderiam ser “potencializados” por ONGs. O despacho atende ao pedido da Associação Alternativa Terrazul, instituição com sede em Fortaleza (Ceará).

“A questão da Amazônia, no meu entender, pode ter sido potencializada por ONGs, porque eles perderam grana”, disse o presidente a jornalistas em 21 de agosto, no Congresso Aço Brasil.

No pedido encaminhado ao Supremo, a associação fez 8 questionamentos a Bolsonaro. Entre eles, perguntou se havia provas ou indícios para basear a afirmação e quais seriam as ONGs envolvidas em casos como esses.

Para o ministro do STF, o pedido é procedente. “Verificando, em uma primeira análise, a pertinência do pedido, NOTIFIQUE-SE o interpelado para apresentar explicações, instruindo o ofício com cópia da peça inicial e desta decisão”, diz trecho do despacho.

Fonte: Poder 360

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

LEI QUE TORNA TRANSPORTE IRREGULAR INFRAÇÃO GRAVÍSSIMA ENTRA EM VIGOR

Foto: Divulgação

A partir deste sábado (5), quando entra em vigor a Lei nº 13.855, o transporte “pirata” de passageiros, incluindo de estudantes, passa a ser considerado infração gravíssima ao Código de Trânsito Brasileiro.

Publicada no Diário Oficial da União de 8 de julho, a Lei nº 13.855 alterou o Código, tornando mais rigorosas as penalidades aplicadas aos motoristas flagrados transportando passageiros mediante remuneração, sem terem a autorização para fazê-lo.

Ao ser classificado como infração gravíssima, o transporte irregular de estudantes passa a ser punido com multa de R$ 293,47 multiplicado pelo fator 5, totalizando R$ 1.467,35, e mais a remoção do veículo a um depósito.

Já o transporte remunerado de pessoas ou bens, quando não licenciado, passa de infração média a gravíssima, punida com multa e remoção do veículo. O motorista só não será punido em “casos de força maior ou com permissão da autoridade competente”.

Nos dois casos, os motoristas ainda perdem 7 pontos na carteira de habilitação, conforme estabelece o Artigo 259 do Código de Trânsito Brasileiro.

Com informações da Agência Brasil.

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

GARIBALDI E WALTER ALVES PARTICIPAM DE CONVENÇÃO NACIONAL DO MDB

O presidente estadual do MDB-RN, Garibaldi Alves, e o deputado federal Walter Alves, vice-presidente da legenda, participam amanhã (6), da Convenção Nacional do MDB.

A Convenção será realizada das 8h às 13h, no Centro de Eventos e Convenções do Brasil 21, em Brasília-DF. De acordo com Garibaldi Alves, o partido tomará decisões importantes. Além de escolher o novo presidente da sigla, também deve aprovar o novo estatuto que traz novidades: incluiu itens que tratam da ampliação da representatividade feminina nos Diretórios e Executiva Nacional, e proíbe a filiação e possível candidatura de políticos considerados “fichas-sujas”. “Será um momento importante de renovação e novas metas para o MDB”, afirma Garibaldi.

Na noite desta sexta-feira(04), eles participaram de um jantar oferecido pelo presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para o futuro presidente nacional do MDB, deputado federal Baleira Rossi (MDB-SP). “O MDB vai eleger, por aclamação, Baleia Rossi como novo presidente. O partido entra em uma nova fase, oxigenado e renovado, com metas e propostas para as eleições do próximo ano”, ressalta Walter Alves.

 

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

EZEQUIEL FERREIRA DESTACA IMPORTÂNCIA DO CARNAXELITA PARA ECONOMIA DO SERIDÓ

Teve início nesta sexta-feira (04) mais uma edição do Carnaxelita, considerado o maior carnaval fora de época do interior potiguar, que é realizado anualmente em Currais Novos, no Seridó. O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), marcou presença na abertura do evento e ressaltou a importância da festa para o turismo e a economia da região.

“É sempre um prazer testemunhar a alegria do Carnaxelita, que já tem seu lugar no calendário de festividades do Seridó potiguar. Um evento fundamental para o turismo e o desenvolvimento econômico da região. São centenas de turistas que visitam a cidade durante os dias de festa, movimentando a economia, gerando emprego e renda, lotando hotéis, pousadas e restaurantes”, disse Ezequiel, que estava acompanhado da advogada Milena Galvão.

Este ano, por iniciativa de requerimento do deputado, o Carnaxelita conta com um bloco exclusivo para os consumidores que participam do programa Nota Potiguar. O bloco será a segunda atração da micareta neste sábado (05), e será puxado por Capilé. Para ter direito a um abadá do bloco, é preciso acumular três pontos no aplicativo. Cada CPF tem direito a apenas dois abadás.

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade
Publicidade

APLICATIVO BLOQUEIA LIGAÇÕES E MENSAGENS PARA CELULAR NO TRÂNSITO

Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Recurso é gratuito e está disponível para Android

O aplicativo Modo Trânsito DPVAT, lançado esta semana pela Seguradora Líder, já está disponível para download gratuito para sistema Android e até o final do mês será lançada a versão iOS. De acordo com a gerente de Marketing da Seguradora Líder, administradora oficial do Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (Seguro DPVAT), Juliana Rocha, o aplicativo foi criado com o objetivo de reduzir o número de acidentes provocados no trânsito pelo uso do celular.

Essa conduta já é considerada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) a oitava maior causa de mortes no mundo. Da última segunda-feira (30) até hoje (4), já foram feitos 4 mil downloads do aplicativo.

Estudo de 2018 da Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet) revela que cerca de 150 motoristas sofrem acidentes por uso de celular diariamente no Brasil. Por ano, o número chega a 54 mil. “De fato, o celular já começa a apresentar índices alarmantes de associação com acidente de trânsito”, comentou Juliana.

Bloqueio

A nova tecnologia disponibilizada pela seguradora ajuda a evitar esse tipo de acidente porque bloqueia o recebimento de ligações e mensagens enquanto o usuário dirige e envia respostas automáticas às pessoas que fizeram contato. “Se eu estou com o meu Modo Trânsito ativado no WhatsApp, e a minha mãe, por exemplo, liga e eu não posso atender naquele momento, porque preciso estar com a atenção na pista, o meu celular vai disparar uma mensagem automática para ela”, disse Juliana Rocha.

Pode ser uma mensagem pré-elaborada como “Estou dirigindo. Para garantir a minha segurança e de todos, respondo em breve”, ou o motorista pode customizar mensagens, personalizando-as para contatos específicos ou grupos de pessoas. Se o contato recebido for realizado por mensagem de texto ou ligação, o aplicativo responderá com um SMS.

“Posso também ativar a minha localização para determinados contatos. A pessoa que ligou ficará mais tranquila ao saber onde eu estava quando recebi a mensagem”. Segundo a gerente da Seguradora Líder DPVAT, é importante que as pessoas se conscientizem de que, dessa forma, estarão trabalhando pela segurança de quem está ao volante.

Cadastramento

Para utilizar a ferramenta, é necessário fazer o download no Google Play e efetuar o cadastro dando um e-mail e criando uma senha. Também é possível acessar por meio da conta do Facebook ou Google ou, ainda, na página do Seguro DPVAT. Em seguida, a pessoa deve configurar as respostas para os contatos do celular ou selecionar uma mensagem automática, bem como escolher as pessoas que receberão os recados. Ao iniciar a viagem no veículo, basta clicar no botão “Ativar” para que o aplicativo comece a funcionar. O Modo Trânsito pode ser desativado quando o motorista chegar a seu destino, viabilizando assim que o celular volte a receber ligações e mensagens normalmente.

Dados do Seguro DPVAT mostram que de janeiro a junho deste ano, foram pagas 155 mil indenizações a vítimas por acidentes no trânsito, sendo 18 mil indenizações por mortes. O superintendente de Operações da Seguradora Líder, Arthur Froes, afirmou que com o Modo Trânsito DPVAT, os condutores poderão manter o foco exclusivamente na direção, evitando distrações com o telefone e, consequentemente, diminuindo as ocorrências durante o tráfego de veículos.

Por Alana Gandra – Repórter da Agência Brasil  Rio de Janeiro

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

O BALCÃO DE NEGÓCIOS DE JOÃO DE DEUS

© Reprodução / TV Globo – ENGANO A cadeia não acabou com os negócios de João de Deus: visitantes internacionais movimentam a economia do centro espírita

O paranormal João de Deus, preso desde dezembro no Complexo Prisional Aparecida de Goiânia, em Goiás, acusado de centenas de crimes sexuais, foi transferido na semana passada para um hospital público por causa de problemas cardíacos. João parece combalido, cansado, fora de combate. Mas isso é só aparência. Seu balcão de negócios no exterior continua funcionando a todo vapor.

Em décadas de trabalho internacional ele criou uma rede com dezenas de guias turísticos e espirituais atuantes na Europa, África e Oceania que hoje estão dedicados a convencer pessoas de que os crimes do médium não existiram e seu poder curativo é inabalável. São esses guias, homens e mulheres de total confiança de João de Deus, que arrebanham clientes e ainda trazem centenas de turistas estrangeiros todos os meses para a Casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia.

Eles contam com sites para promover viagens para o Brasil e vender produtos e serviços. Vendem, por exemplo, sessões em camas de luz de cristais, remédios de passiflora, bijuterias, jóias e até serviços de cura por celular. Atualmente, 90% dos visitantes de Abadiânia vêm do exterior.

Uma excursão internacional de duas semanas para a cidade custa entre R$ 15 mil e R$ 20 mil, dependendo da origem do turista. Considerando a frequência atual da casa, que não passa de mil pessoas por mês – nos tempos áureos, João chegava a receber 4,5 mil pessoas num único dia – o movimento financeiro gerado em torno da Casa Dom Inácio está em torno de R$ 15 milhões. Todas as semanas chegam turistas de países como Alemanha, Suíça, Finlândia, França, Itália, África do Sul, Austrália e Nova Zelândia, que estão sustentando uma parte dos negócios criados pelo médium depois que ele saiu de cena.

“João de Deus tem uma clientela muito rica no exterior e há uma campanha de contra-informação em que se tenta apresentá-lo como um injustiçado e perseguido pela imprensa e por ONGs”, diz a psicóloga Maria do Carmo Santos, membro do Grupo Vítimas Unidas e ativista de direitos humanos. “Ainda há gente que acredita cegamente nos seus poderes e há consultas por telefone celular realizadas por médiuns ligados ao centro”. Maria do Carmo conseguiu acessar pelo menos 40 sites internacionais que promovem a Casa Dom Inácio.

O guia Peter Waugh, representante de João de Deus na Nova Zelândia, mantém um site em que oferece serviços espirituais e pacotes de viagem para Abadiânia. Só neste ano ele montou duas excursões, em março e junho, e tem outra programada para novembro. Waugh, que é guia oficial da casa desde 2002 e controla um centro próprio no país chamado Casa de José, oferece as camas de luz de cristal, que custam R$ 12 mil, e também vende a coleção de bijuterias de quartzo, brincos de ágata e braceletes com a imagem de Santo Inácio de Loyola produzidos em Abadiânia com pedras retiradas das minas de João de Deus.

Waugh já tem excursões programadas para 2020. Na Suíça, o centro espírita é apoiado pela guia Julia Andrée, que, por meio do site Casa Lumière, oferece pacotes de viagem para Goiás, a 2800 euros, além de livros, quadros e imóveis para locação na cidade. Para ela, João de Deus ainda é um dos médiuns mais importantes do mundo.

Considerando a frequência atual de visitantes, o movimento financeiro em torno da Casa Dom Inácio gira em torno de R$ 15 milhões por mês

O trabalho dos representantes da Casa Dom Inácio vem sendo questionado pelo Ministério Público Federal (MPF) porque eles atuam de maneira informal. São guias turísticos e espirituais ao mesmo tempo. Vários deles trabalham como tradutores para a casa ou são donos de pousadas na cidade. O problema é que exercem a profissão de guia sem autorização.

Pela legislação brasileira só é possível atuar na área com o cadastro do Ministério do Turismo. A profissão foi regulamentada. “Estamos exigindo que os guias se cadastrem para permitir um maior acompanhamento da Casa pelo poder público”, diz o procurador do MPF Wilson Rocha. A exigência do certificado pode significar um sério golpe na Casa Dom Inácio. Hoje sua sobrevivência está atrelada ao trabalho dos guias que tratam de manter o negócio funcionando com visitantes internacionais. Sem eles, a máquina espiritual de Abadiânia pode entrar em colapso.

© Fornecido por Três Editorial Ltda

Por:msn.com

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

SAIBA QUAIS REGRAS VÃO VIGORAR NAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS DE 2020

Daqui a exatamente um ano, os brasileiros irão às urnas para escolher prefeitos e vereadores.

A eleição, marcada para 4 de outubro de 2020, será a primeira em que os partidos não poderão fazer alianças para disputar as câmaras municipais – somente para as prefeituras.

Veja abaixo quais regras vão vigorar para as eleições municipais de 2020.

Data da eleição

Dia 4 de outubro de 2020. O 2º turno das votações será realizado no dia 25 do mesmo mês.

Cargos em disputa

Serão escolhidos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores.

Partidos

Para participar das eleições, o partido tem que registrar seu estatuto no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) até seis meses antes do pleito.

Coligações

Candidatos a prefeito poderão formar coligações com outros partidos para disputar as eleições.

No entanto, as coligações partidárias estarão proibidas para as eleições proporcionais – neste caso, de vereadores. Antes, os votos dados a todos os partidos da aliança eram levados em conta no cálculo para a distribuição das vagas.

Candidaturas

O partido deverá reservar a cota mínima de 30% para as mulheres. Está proibida a candidatura avulsa, ainda que a pessoa seja filiada a algum partido.

Idade mínima

A idade mínima para se eleger é de 21 anos para prefeito ou vice-prefeito e de 18 anos para vereador.

Limites de gasto da campanha

Projeto aprovado pelo Congresso fixa que os limites serão iguais aos de 2016, corrigidos pela inflação, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Naquele ano, São Paulo foi a cidade com o maior limite de despesas: R$ 45,4 milhões para prefeito no primeiro turno e R$ 13,6 milhões no segundo.

O candidato poderá se autofinanciar em até 10% do limite de gasto para o cargo.

Doações

Somente pessoas físicas poderão fazer doações para campanhas eleitorais. As doações serão limitadas a 10% dos seus rendimentos no ano anterior à eleição.

Arrecadação

A partir do dia 15 de maio do ano eleitoral, os pré-candidatos poderão fazer arrecadação prévia de recursos por meio de vaquinha eletrônica, mas a liberação do dinheiro ficará condicionada ao registro da candidatura.

Propaganda eleitoral

A propaganda eleitoral será permitida somente após o dia 15 de agosto do ano que vem, desde que não envolva o pedido explícito de voto.

A lei não considera propaganda eleitoral antecipada o anúncio de pré-candidatura ou a exaltação pelo pré-candidato de suas qualidades pessoais.

Propaganda no rádio e na TV

É proibido qualquer tipo de propaganda eleitoral paga no rádio e na televisão. A propaganda gratuita é permitida nos 35 dias anteriores à antevéspera das eleições.

Propaganda ‘cinematográfica’

Nas propagandas eleitorais, não poderão ser usados efeitos especiais, montagens, trucagens, computação gráfica e desenhos animados.

Propaganda eleitoral na imprensa

São permitidas, de 15 de agosto até a antevéspera das eleições, a divulgação paga, na imprensa escrita, e a reprodução na internet do jornal impresso.

Propaganda na internet

É permitido fazer campanha na internet por meio de blogs, redes sociais e sites. Partidos e candidatos poderão contratar o impulsionamento de conteúdos (uso de ferramentas, gratuitas ou não, para ter maior alcance nas redes sociais). Está proibido o impulsionamento feito por pessoa física.

Sem ofensas

É crime a contratação direta ou indireta de grupo de pessoas para enviar mensagens ou fazer comentários na internet para ofender a honra ou denegrir a imagem de candidato, partido ou coligação.

Propaganda na rua

É proibido fazer propaganda de qualquer natureza (incluindo pinturas, placas, faixas, cavaletes e bonecos) em locais como cinemas, clubes, lojas, centros comerciais, templos, ginásios e estádios, ainda que de propriedade privada.

A proibição se estende a postes de iluminação pública, sinalização de tráfego, viadutos, passarelas, pontes e paradas de ônibus, árvores, muros e cercas.

Material de propaganda

É permitido colocar bandeiras na rua, desde que não atrapalhem o trânsito de pessoas e veículos. Também pode colar adesivo (de 50 cm x 50 cm) em carros, motos, caminhões, bicicletas e janelas residenciais.

“Envelopar” o carro (cobri-lo totalmente com adesivo) está proibido. No máximo, poderá ser adesivado o para-brisa traseiro, desde que o adesivo que seja microperfurado.

Camiseta e chaveiro

Na campanha eleitoral, é proibido distribuir aos eleitores camisetas, chaveiros, bonés, canetas, brindes, cestas básicas ou outros bens.

Outdoor proibido

É vedada a propaganda eleitoral em outdoors, inclusive eletrônicos.

Alto-falantes

O funcionamento de alto-falantes ou amplificadores de som é permitido entre as 8h e as 22h. Porém, os equipamentos não podem ser usados a menos de 200 metros de locais como as sedes dos Poderes Executivo e Legislativo, quartéis, hospitais, escolas, bibliotecas públicas, igrejas e teatros (quando em funcionamento).

Cabos eleitorais

A contratação de cabo eleitoral é permitida, mas respeitando alguns critérios conforme a quantidade de eleitores no município.

Comícios

A realização de comícios e o uso de aparelhos de som são permitidos entre as 8h e a meia-noite, exceto o comício de encerramento da campanha, que poderá ir até as 2h da manhã.

Trio elétrico

É proibido o uso de trios elétricos em campanhas, exceto para a sonorização de comícios. A circulação de carros de som e minitrios é permitida em comícios, passeatas, carreatas e caminhadas, mas desde que observado o limite de 80 decibéis, medido a sete metros de distância do veículo.

Showmício

É proibida a realização de showmício para promoção de candidatos, assim como a apresentação, remunerada ou não, de artistas com a finalidade de animar comício e reunião eleitoral.

Véspera da eleição

Até as 22h do dia que antecede a eleição, pode haver distribuição de material gráfico, caminhada, carreata, passeata ou carro de som.

No dia da eleição

Constituem crimes, no dia da eleição:

  • o uso de alto-falantes e amplificadores de som ou a promoção de comício ou carreata;
  • a arregimentação de eleitor ou a propaganda de boca de urna;
  • a divulgação de qualquer espécie de propaganda de partidos políticos ou de seus candidatos;
  • a publicação de novos conteúdos ou o impulsionamento de conteúdos nas aplicações de internet, podendo ser mantidos em funcionamento as aplicações e os conteúdos publicados anteriormente.

No dia da eleição, estão permitidas manifestações individuais e silenciosas da preferência do eleitor pelo uso de bandeiras, broches, dísticos e adesivos. Estão proibidas aglomerações de pessoas com roupa padronizada até o término do horário de votação.

Debates

É permitida a realização de debates promovidos por rádios ou canais de televisão, sendo assegurada a participação de candidatos dos partidos com representação no Congresso Nacional, de, no mínimo, cinco parlamentares.

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade

MINISTÉRIO PÚBLICO DENUNCIA MINISTRO DO TURISMO POR CANDIDATURAS-LARANJA DO PSL EM MINAS

Ministro Marcelo Álvaro Antônio é denunciado pelo MP por candidatura-laranja — Foto: André Santos

O Ministério Público Eleitoral de Minas Gerais apresentou à Justiça denúncia contra o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio (PSL), e mais 10 pessoas, por crimes relacionados à apresentação de candidaturas de fachada do PSL nas eleições de 2018. De acordo com o órgão, na condição de presidente estadual do partido, Álvaro Antônio participou da inscrição de candidaturas-laranja de mulheres que não estavam dedicadas, de fato, à disputa, para permitir o desvio de recursos do fundo eleitoral.

De acordo com o promotor mineiro Fernando Ferreira Abreu, o ministro foi denunciado pelos crimes de falsidade ideológica eleitoral (com penas previstas de até 5 anos), apropriação indébita de recurso eleitoral (cujas penas variam de 2 a 6 anos) e associação criminosa (com penas que variam de 1 a 3 anos de reclusão).

Entre os acusados estão ex-candidatos, assessores do PSL e familiares de ex-assessores do partido. O esquema foi denunciado pelas próprias candidatas, em depoimentos prestados ao MP mineiro.

Uma delas, a ex-candidata a deputada federal Adriana Moreira Borges, contou em julho deste ano, em entrevista ao GLOBO , ter recebido uma proposta de um assessor de Álvaro Antônio para lhe repassar R$ 90 mil dos R$ 100 mil que receberia para fazer a campanha em 2018. Ela não aceitou a proposta, por isso não foi denunciada na ação.

Nesta quinta, a Polícia Federal já havia determinado o indiciamento do ministro e de mais 10 pessoas , as mesmas que agora são denunciadas pelo MP.

Confira quem foi indiciado pela PF e denunciado pelo MP:

Marcelo Álvaro Antônio – ministro

Mateus Von Rondon – assessor especial do ministro, preso em junho deste ano

Irineu Inacio da Silva – deputado estadual em Minas pelo PSL – conhecido como Professor Irineu

Lilian Bernardino – suspeita de ser candidata-laranja

Debora Gomes – suspeita de ser candidata-laranja

Camila Fernandes – suspeita de ser candidata-laranja

Naftali Tamar – suspeita de ser candidata-laranja

Marcelo Raid Soares

Reginaldo Donizeti Soares – irmão de Roberto Silva Soares, sócio de duas empresas que prestaram serviço eleitorais às candidatas investigadas

Roberto Silva Soares – Assessor do ministro, preso em em junho deste ano

Haissander de Paula – ex-assessor do ministro quando ele era deputado federal, preso em junho deste ano

Nos próximos dias, a Justiça Eleitoral em Minas decide se aceita a denúcia contra os acusados.

De acordo com o promotor Fernando Abreu, o processo tramitará no Judiciário mineiro, e não em Brasília, porque os fatos denunciados são anteriores ao mandato de deputado federal e também ao cargo de ministro.

– Não se trata de prerrogativa de função, porque os fatos foram praticados durante as eleições e sem qualquer espécie de vinculação com o mandato de deputado federal e o atual cargo de ministro do Turismo – disse o promotor.

Após a notícia do indiciamento vir a público nesta sexta-feira, o porta-voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros, informou que Bolsonaro decidiu manter o ministro no cargo, apesar das acusações que pesam contra ele.

Em nota também divulgada nesta sexta, Álvaro Antônio disse confiar “na Justiça e na comprovação de sua inocência”. Na nota, o ministro diz que a investigação “teve como base uma campanha difamatória e mentirosa” e nega ter cometido “qualquer irregularidade na campanha eleitoral de 2018”.

O Globo

Deixe o seu comentário (0)
Publicidade